Agendamento do Cadastro Único – passo a passo Agendamento do Cadastro Único – passo a passo

Agendamento do Cadastro Único – passo a passo

O Cadastro Único foi implantado pela Secretaria de Estado de Assistência Social com o objetivo de identificar as famílias de baixa renda que existem no Brasil para que possam acessar serviços, benefícios e programas de assistência social e redistribuição de renda. Com o CadÚnico, o governo fica sabendo quem são e como vivem as famílias, quais são as principais dificuldades que elas enfrentam e como é possível melhorar as condições de vida dos cidadãos.

Fique com a gente e saiba tudo sobre o programa. Acompanhe! 😊

O que é Cadastro Único?

O Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal é um instrumento que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda para a participação em programas e serviços, dentre eles o Bolsa Família, Bolsa Alfa e o Benefício de Prestação Continuada (BPC) – Idoso e Pessoa com Deficiência. Essas informações são utilizadas pelo Governo Federal, pelos estados e pelos municípios como base para os seus programas sociais e a implementação de políticas públicas capazes de promover a melhoria da vida dessas famílias.

Com o Cadastro Único, é possível conhecer a realidade socioeconômica das famílias brasileiras em situação de pobreza, a partir de informações como: as características do domicílio, as formas de acesso a serviços públicos essenciais e os dados de cada um dos componentes da família. São consideradas famílias de baixa renda aquelas que possuem renda mensal por pessoa de até meio salário mínimo ou renda familiar total de até três salários mínimos.

Nesse contexto, o Cadastro Único constitui-se uma importante ferramenta de apoio à formulação e à implementação de políticas públicas capazes de promover a melhoria de vida dessas famílias, na medida em que reúne um conjunto de dados que permitem aos gestores o conhecimento dos riscos e das vulnerabilidades a que a essa classe está exposta.

Programas e benefícios sociais que utilizam o Cadastro Único

Diversos programas e benefícios sociais do Governo Federal utilizam o Cadastro Único como base para a seleção das famílias. Veja quais são eles:

  • Programa Bolsa Família;
  • Programa Minha Casa, Minha Vida;
  • Bolsa Verde – programa de apoio à conservação ambiental;
  • Programa de erradicação do trabalho infantil – PETI;
  • Fomento – programa de fomento às atividades produtivas rurais;
  • Carteira do idoso;
  • Aposentadoria para pessoa de baixa renda;
  • Programa Brasil Carinhoso;
  • Programa de cisternas;
  • Telefone popular;
  • Carta social;
  • Projovem adolescente;
  • Tarifa social de energia elétrica;
  • Passe livre para pessoas com deficiência;
  • Isenção de taxas em concursos públicos.

Como agendar o Cadastro Único

O agendamento para a realização da entrevista do Cadastro Único para atendimento presencial pode ser feito pelo site da prefeitura e é destinado para as famílias residentes em São Paulo. Para outras cidades, basta procurar a prefeitura do município.

Confira o passo a passo para realizar o agendamento:

  1. Identificação da pessoa a ser atendida.

    Para agendar o atendimento, é necessário preencher os campos abaixo:

    Com Agendar O Cadastro Unico Passo1

  2. Selecione o assunto e o local para atendimento:

    Com Agendar O Cadastro Unico Passo2

  3. Selecione data e horário para seu atendimento:

    Com Agendar O Cadastro Unico Passo3

  4. Etapa de confirmação do agendamento e hora de conferir as informações sobre o seu agendamento.

    Preencha o código da imagem e clique em concluir:

    Com Agendar O Cadastro Unico Passo4

No final do processo, você receberá a confirmação do agendamento e um número de protocolo de atendimento que será de apresentação obrigatória no dia.

Como se cadastrar no CadÚnico

Agora, saiba como fazer para se inscrever no Cadastro Único:

O município promove visitas domiciliares às famílias de baixa renda periodicamente para efetuar o cadastramento. Caso uma família se enquadre nas rendas e ainda não estiver inscrita no Cadastro Único, pode procurar um CRAS (Centro de Referência em Assistência Social) da cidade, realizar o agendamento e solicitar o cadastramento, conforme explicamos no tópico acima.

Para que a família possa realizar o cadastro, é necessário:

  • Ter uma pessoa responsável para responder às perguntas do cadastro. Essa pessoa deve fazer parte da família, morar na mesma casa e ter pelo menos 16 anos;
  • Para a pessoa responsável pela família, de preferência mulher, é necessário informar o CPF ou o título de eleitor;
  • Exceção: no caso de responsável por famílias indígenas e quilombolas, pode ser apresentado qualquer um dos documentos abaixo (não precisa ser o CPF ou o título de eleitor);
  • Apresentar pelo menos um documento de todas as pessoas da família:
    • Certidão de nascimento;
    • Certidão de casamento;
    • CPF;
    • Carteira de identidade (RG);
    • Certidão administrativa de nascimento do indígena (RANI);
    • Carteira de trabalho; ou
    • Título de eleitor.
  • Levar um comprovante de endereço, que pode ser conta de água ou luz – não é obrigatório apresentar, mas ajuda no preenchimento do endereço.

Importante: após o cadastramento da família, é importante manter os dados sempre atualizados. Sempre que mudar algo, como o nascimento de um filho, mudança de casa ou de trabalho ou quando alguém deixar de morar na residência, o responsável familiar deve procurar o CRAS e efetuar a atualização dos dados da família.

Como saber se estou cadastrado no Cadastro Único

É possível saber se você está inscrito no Cadastro Único de três maneiras: pelo site do Ministério da Cidadania, pelo aplicativo Meu CadÚnico e pelo telefone. Veja a seguir as três formas detalhadas!

Pelo site

Acesse o link https://meucadunico.cidadania.gov.br/meu_cadunico/ e siga o passo a passo:

  1. Preencha o nome completo, a data de nascimento e nome da mãe. Em seguida, selecione o estado e o município onde a sua família está cadastrada.
  2. Depois de preencher seus dados, clique no botão ao lado “não sou um robô” e marque as imagens, como solicitado.
  3. Como Saber Se Estou Cadastrado

Por fim, clique em “emitir”. Se você estiver inscrito, as informações serão exibidas.

Agora que você já conhece o passo a passo para fazer o agendamento do Cadastro Único veja também:

Categoria: PRASABERDiversos

Quero receber notícias do PRAVALER

Preencha o campo abaixo com seu e-mail e fique sabendo tudo sobre o PRAVALER em primeira mão.