Carta de apresentação primeiro emprego


Jovens estudantes costumam ter dúvidas a respeito de como agir diante das primeiras experiências profissionais da carreira. Entre elas está a carta de apresentação para o primeiro emprego. Você sabe do que se trata esse documento? E como é possível fazer o seu de maneira correta para aumentar suas chances?

A carta de apresentação representa um meio para chamar a atenção do empregador em relação a você, sendo inclusive uma das exigências de boa parte das companhias em seu processo de seleção. É por isso que vamos falar mais detalhadamente sobre ela agora.

O que é a carta de apresentação

É um resumo onde você coloca as suas qualificações e descreve as principais experiências. Por se tratar de algo que visa agilizar o processo de seleção, a carta deve ser bastante curta e direta, deixando claro para o empregador que a sua experiência é útil para os interesses dele, ou seja, para que você ocupe a vaga de emprego em oferta.

O objetivo da carta de apresentação é servir como um filtro para distinguir os candidatos. Ela tem uma importância especial quando os processos são maiores, ou seja, quando a quantidade de candidatos é grande o suficiente para que seja necessária uma eliminação inicial e sigam adiante somente aqueles com o perfil mais compatível com as demandas da organização.

No caso de quem busca o primeiro emprego, essa carta precisa valorizar mais a formação do indivíduo. É preciso mostrar que a faculdade que você fez, as atividades que exerceu, entre outros, sejam diferenciais na busca da vaga que a empresa oferece, ainda que você não tenha experiência no mercado de trabalho.

A importância para a entrevista

Tanto a carta de apresentação quanto o currículo abrem caminho para a entrevista. Ao analisar esses documentos, o avaliador terá condições para decidir se as suas características são compatíveis com as necessidades da empresa ou não.

Caso ele acredite que você tem potencial para colaborar com a organização, você será convidado para uma entrevista onde, de fato, ele poderá tirar dúvidas a respeito do que não foi aprofundado nesses documentos. É por isso que a carta de apresentação e o currículo precisam ser sucintos, apresentando apenas as informações mais relevantes para atrair a atenção do examinador, pois tratam-se de materiais mais introdutórios para a entrevista que virá adiante.

Como montar uma carta de apresentação para o primeiro emprego

No caso de estar diante da primeira experiência de trabalho, tenha um foco maior na sua formação, criando uma narrativa que dê ao examinador condições de entender que você tem se preparado para aquela oportunidade.

O passo a passo é muito simples. Comece descobrindo para quem você precisa dedicar a sua carta, ou seja, o profissional que se encarregará de ler o seu documento. Caso você não tenha essa informação, direcione o documento ao departamento para onde ele vai, como o departamento de Recursos Humanos, por exemplo.

Em seguida, demonstre o seu interesse na vaga em questão, procurando sempre ser cordial. Não deixe de citar qual foi a indicação que você recebeu para tal vaga. Assim, por exemplo, se a oportunidade foi oferecida no site para auxiliar de escritórios, você pode escrever algo do tipo “Gostaria de apresentar meu interesse em assumir a função de auxiliar de escritório, conforme vaga oferecida no site da empresa”.
No parágrafo a seguir é onde você poderá inserir suas qualificações e habilidades. A ideia aqui não é fazer uma longa exposição a respeito do seu passado, pois essas informações poderão aparecer no currículo que virá junto à carta. Neste espaço, seja direto. Informe o nome do curso realizado e o ano.

No próximo parágrafo pode ser interessante conectar suas capacidades com o momento em que a empresa vive, por exemplo, escrevendo que, em um momento de expansão corporativa, você pode contribuir com alguma característica que pode ser útil para a organização.
Depois disso você pode se colocar à disposição para maiores informações e encerrar com um agradecimento.

Quais informações são necessárias na carta de apresentação

Como visto, não é necessário ir muito a fundo nesse tipo de documento, pois a descrição das atividades deverão aparecer no seu currículo. Aqui, o momento é de ressaltar algumas características que podem ser úteis para o seu empregador, mesmo você não tendo experiência profissional.

A dica é ter atenção ao tipo de colaborador que a companhia procura e tentar encontrar no seu perfil as características que podem ser úteis para a organização prosperar. Confira algumas sugestões a seguir:

  • Organização;
  • Pontualidade;
  • Fluência em outro idioma;
  • Proatividade;
  • Responsabilidade.

Também não deixe de prestar informações básicas sobre você, pois sem isso o empregador não terá como entrar em contato e convidá-lo para uma entrevista. Sendo assim, atenção a:

  • Nome completo;
  • Dados para contato (e-mail ou telefone);
  • Título da vaga.

Modelos de carta de apresentação para o primeiro emprego

Apresentamos aqui dois exemplos para você tomar como referência na hora de criar a sua carta de apresentação, tendo em mente a sua trajetória pessoal.
Modelo de carta de apresentação PRAVALER

Modelo 1

Caro João da Silva, Diretor de RH da Empresa X.
Tenho formação em Engenharia de Produção na Universidade Paulista (UNIP). Creio que assimilei os conceitos necessários para atuar na área e procuro uma oportunidade como a que foi oferecida pela companhia.
Valorizo a proatividade e o foco em resultados, além disso, tenho interesse em atuar em ambientes inovadores. Meus colegas me veem como positivo para o trabalho em grupo e com bom trato com superiores. Acredito que minhas características sejam compatíveis com o perfil da empresa.
Fico à disposição caso haja interesse em uma entrevista na qual poderei falar mais sobre minhas experiências e qualificações para o cargo.
Atenciosamente,
Nome e sobrenome
(XX) XXXXX-XXXX
xxxx.xxx@xxxx.com.br

Modelo 2

Prezado, José dos Santos, gostaria de me candidatar à vaga X oferecida por sua empresa em seu perfil no LinkedIn. Estou em busca de uma oportunidade para entrar no mercado de trabalho e atendo aos requisitos:

  • Fluência em inglês;
  • Formação em Administração de Empresas;
  • Conhecimentos nas ferramentas Y e Z.

Acredito que minha formação, além das atividades extracurriculares realizadas, sejam compatíveis com as exigências da companhia, pois atuei exercendo atividades como A, B e C ao longo de dois anos.
Agradeço pela atenção e espero que haja o interesse em uma entrevista.
Desde já, me coloco à disposição.
Nome e sobrenome
(XX) XXXXX-XXXX
xxxx.xxx@xxxx.com.br.

Esses são apenas alguns modelos de carta de apresentação para o primeiro emprego que podem ser seguidos por você. Basta adaptá-los à sua realidade e usá-los na busca por oportunidades. Perceba que todos eles são sucintos, pois esse é o objetivo do documento.

O currículo

Tenha clareza a respeito das diferenças entre a carta de apresentação e o currículo, pois são documentos complementares.

Em resumo, a carta de apresentação existe para dar destaque às maiores competências de um candidato e justificar a busca dele pela vaga que a empresa oferece. Na prática, ela é uma prévia daquilo que será mais aprofundado no currículo. Este sim é um documento onde você pode detalhar suas experiências, mostrando onde trabalhou, o que fez e apresentando as datas de entrada e de saída das empresas.

De uma maneira geral, carta de apresentação e currículo permitem a você tratar superficialmente de tudo o que pode ser pertinente em relação à sua vida profissional para dar sequência a um processo de seleção.

Observações importantes

Tenha cuidado especial com os erros de português. Caso você se sinta inseguro em relação a isso, não deixe de submeter o seu documento a uma revisão externa antes de enviá-lo. É importante evitar que ele chegue às mãos do examinador sem estar perfeitamente redigido, pois isso pode custar sua vaga.

Além disso, procure ser sincero, tanto na carta de apresentação quanto no currículo. Evitando passar informações que estejam fora da sua realidade você também evita problemas como uma futura demissão traumática.

É adequado adotar uma linguagem formal no documento, desde que sua escrita seja objetiva e clara. Atenção para não deixar o documento muito extenso. Para tanto, o ideal é que você concentre uma ideia em cada parágrafo, pois assim o examinador terá mais facilidade para encontrar as informações necessárias.

Como enviar uma carta de apresentação

Caso a oportunidade tenha chegado até você por meio da internet, é natural que a própria empresa informe o canal de recebimento do documento. Assim, verifique se existe um endereço de e-mail fornecido para o RH da empresa.

É possível que a companhia tenha um ambiente próprio para a seleção. Ele pode estar em seu site ou no da empresa responsável pelo processo. Fique atento a isso para não enviar sua carta para o lugar errado.

Esse documento também pode ser entregue no endereço onde serão realizadas as etapas do processo seletivo. Nesse caso, você deve comparecer pessoalmente para entregar a carta junto ao currículo.

Enfim, a carta de apresentação é um documento importante para filtrar candidatos diante de uma oportunidade de trabalho. Fique atento à maneira correta de fazer o documento para evitar problemas.

Entendeu como fazer uma carta de apresentação para o primeiro emprego? Confira também como se sair bem em uma entrevista de emprego.

Compartilhar
Categoria: Carreira
Tags: ENEM ENEM 2019

Pesquisar

Quero receber notícias do PRAVALER

Preencha o campo abaixo com seu e-mail e fique sabendo tudo sobre o PRAVALER em primeira mão.