Como impulsionar a carreira após uma demissão?

Crises econômicas e políticas – como as que estamos vivendo atualmente – possuem diversas consequências. Uma das mais desastrosas é o alto índice de demissões, por conta de corte de gastos nas empresas e a sua estagnação nas atividades, o que faz com que reduzam, também, as oportunidades para quem está fora do mercado.
Para quem está passando pelo processo de demissão e recolocação, é difícil, em um primeiro momento, enxergar as perspectivas de uma forma otimista, pois diversos sentimentos entram em cena, como a frustração, o desânimo e a descrença. Essas sensações devem ser vividas, mas é preciso ficar atento para que o fator emocional não invada o racional, que deve prospectar e vislumbrar que existem, sim, formas de impulsionar a carreira após uma demissão para quando o mercado voltar a ficar a aquecido.
Mas como agir nesse momento delicado pensando no futuro? No post de hoje, reunimos algumas dicas para ajudar você a aproveitar o período fora do mercado de trabalho da melhor forma possível para a sua carreira. Confira!
Fazer um curso de idiomas
Muitas vezes, quando trabalhamos em empresas, acabamos sendo engolidos pela rotina coorporativa com o cumprimento de metas, reuniões e projetos. Por isso, muitos planos de investir em atividades paralelas à profissional acabam sendo adiadas e ficando para um depois que nunca chega.
Se você está passando por um processo de demissão e o mercado não está proporcionando novas oportunidades, que tal aproveitar o tempo livre para colocar em prática outros objetivos? Se matricular em um curso de idiomas pode ser uma boa alternativa, já que você vai dispor de tempo para se dedicar aos estudos, o que facilita o processo de aprendizado. Além de ser uma forma de conhecer novas pessoas, você ainda investe na sua capacitação profissional – e, quando for a hora, vai oferecer ao mercado de trabalho um diferencial na sua área.
Investir em cursos de especialização
A mesma linha de pensamento pode ser aplicada aos cursos de especialização. Aproveite para estudar o mercado e tomar uma decisão de curso de pós-graduação, por exemplo, baseada na realidade do mercado, e não na antiga colocação que você tinha em determinada empresa.
O mestrado também pode ser uma boa alternativa para impulsionar a sua carreira profissional depois de uma demissão. Além de ampliar o seu networking, que pode lhe proporcionar propostas de recolocação, você ainda dá espaço para mais oportunidades de atuação: a acadêmica.
É claro que a especialização requer investimento financeiro, mas se você tiver a chance de cursar, é uma excelente oportunidade para alcançar novos patamares na sua carreira.
Participar de conferências
Mesmo que não esteja atuando profissionalmente, é preciso fazer com que o mercado perceba que você está disponível e em busca de novas oportunidades. Uma boa forma de fazer isso é participando de conferências e encontros da sua área, sempre eficazes para reencontrar colegas e trocar contatos. Essas são excelentes oportunidades para você se manter atualizado, requisito fundamental para conquistar a sua recolocação profissional.
As demissões podem desencadear um período de mudanças, mas quem define se elas vão ser positivas ou não é você. Já que você não teve escolha e está passando por nessa situação, tire proveito dela da melhor forma: investindo em si próprio.

Categoria: PRASABERProfissões

Quero receber notícias do PRAVALER

Preencha o campo abaixo com seu e-mail e fique sabendo tudo sobre o PRAVALER em primeira mão.