Como interpretar um texto? Como interpretar um texto?

Como interpretar um texto?

Pode parecer fácil, mas interpretar um texto precisa de mais atenção do que se imagina. Quantas vezes você não entendeu um trecho que precisou reler e, mesmo assim, ainda não compreendeu a mensagem? Por isso que algumas técnicas de interpretação são fundamentais para ajudar no entendimento por completo de um conteúdo.

Engana-se quem acredita que ter habilidades de interpretação de texto só serve para matérias que envolvem o português. Muito pelo contrário, questões de exatas também exigem uma boa noção de entendimento do contexto. No Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), especialmente, exige muito essa habilidade, não só para o caderno de linguagens, já que sempre propõe extensos textos – muitos deles com as famosas pegadinhas de interpretação – em cada questão.

Mas não é só o Enem que se preocupa com o nível de interpretação do estudante. Os vestibulares de faculdades por todo o país cobram muito essa habilidade, por acreditarem que é o mínimo necessário em qualquer curso de graduação.

Introdução

Ter o entendimento completo de um texto exige passar por algumas etapas de leitura, que são: pré-compreensão, compreensão e interpretação.

A primeira fase exige que você entenda minimamente sobre o assunto que o autor está falando, saber distinguir de forma geral qual é o tema daquele texto, mesmo não sabendo explicar todas as partes. Então sim, é preciso conhecimento anterior, que te ajude na leitura.

Já a segunda envolve a descoberta. Compreendendo o tema principal do texto na primeira etapa, você poderá discernir o que é informação nova e o que é informação já conhecida.

A terceira e última etapa é, de fato, a interpretação, que é quando você começa a raciocinar e ter pensamentos críticos diante das informações lidas. É saber responder às questões usando o que leu e o que já era sabido, junto com o conhecimento novo que foi formado.

Parece muito complicado? Continue com a gente, pois vamos te ajudar com várias dicas!

Habilidades envolvidas

Além de técnicas específicas, a interpretação exige que o leitor desenvolva algumas habilidades importantes. Para se dar bem na compreensão de um texto:

  • Mobilize seus conhecimentos prévios, aquilo que você sabe antes de ler a questão e que vai se recordando durante a leitura.
  • Perceba a relação do novo conhecimento que você adquiriu na leitura com o conhecimento prévio que você tinha.
  • Analise o conteúdo e o que ele propõe, separando informações, concordâncias e discordâncias.

Uma boa dica é ler o texto duas vezes, se tiver tempo. Primeiro leia rápido e sem parar, não se importando com as partes que não foram entendidas. Compreendida a unidade do texto, o principal dele, leia novamente com mais atenção aos detalhes.

Alguns professores recomendam ainda ler as questões antes de ler o texto, para já lê-lo sabendo quais respostas procurar.

Passo a passo da interpretação de texto

Seguidas as dicas de logo acima e exercitando as habilidades necessárias, siga algumas instruções que poderão fazer toda a diferença:

  • Circule as palavras principais: são as palavras mais difíceis e mais repetidas pelos autores aquelas principais sobre o tema da escrita;
  • Sublinhe frases importantes: normalmente são as frases que contém as palavras circuladas;
  • Anote o que entendeu: escreva na margem da folha a ideia que você teve e o que você entendeu naquela página ou parágrafo;
  • Descubra qual é o argumento defendido pelo: alguém está sempre escrevendo soluções para certos tipos de problemas. Em casos de narrativas, fique atento às partes que podemos chamar de apresentação, problema principal, clímax e desfecho.

Como saber se você realmente entendeu o texto? Simples! Se você souber explicar com suas próprias palavras sobre o que o texto se trata, quer dizer que conseguiu interpretá-lo. Caso não consiga fazer isso, é sinal de que ainda não entendeu, portanto, deve voltar à leitura, seguindo as dicas que demos.

Dicas extras

Se mesmo depois dessas dicas, você ainda não se sente seguro de fazer uma interpretação de texto, não se preocupe! Algumas práticas podem potencializar essa habilidade:

  1. Separe fatos de opiniões

Fatos são sempre verdadeiros, afinal, são acontecimentos objetivos. Opiniões são interpretações dos fatos e podem ser verdadeiras ou falsas. Não se tem dúvidas sobre um fato, mas se têm dúvidas sobre opiniões. Tente responder: “Qual é o fato neste texto?” e “Qual é a opinião do autor sobre ele?”.

  1. Leia novamente se for preciso

Estamos considerando um cenário no qual há tempo para isso. Neste caso, sim, leia quantas vezes for preciso. Contudo, em vestibulares, se o texto estiver difícil demais para interpretar e você perceber que perderá o tempo que deveria usar em questões mais fáceis, pule e deixe para o final. Para melhorar seu entendimento, leia pausadamente cada frase do texto.

  1. Pratique a interpretação lendo muitos textos e resumindo cada um deles

Claro! Não se aprende a interpretar com teorias, mas sim com a prática, com atividade de leitura mesmo. A melhor forma é ler anotando, pois o pensamento se expressa na escrita e demonstra que você entendeu o que leu. Você também deve fazer exercícios de interpretação de texto.

  1. Use dicionário

Novamente, esta é uma situação em que você está treinando em casa e pode usar desse recurso. Com o tempo, você notará que as palavras que você precisou consultar no dicionário continuarão aparecendo, mas você já saberá identificá-las e não precisará mais dele.

  1. Tente ler conversando com o autor.

Se você não estiver em uma sala de aula ou durante uma prova de vestibular, é muito interessante e recomendado que você leia em voz alta. Este é um bom treino e, depois que se habituar a entender, conseguirá o mesmo efeito lendo mentalmente, mas com entonação, como se estivesse lendo em voz alta.

A interpretação de texto no Enem

Definitivamente esta é uma das principais habilidades cobradas no Exame Nacional do Ensino Médio. Ela pode ser o decisor que separa alunos aprovados de alunos reprovados na avaliação. Muitas vezes, as respostas podem ser percebidas no texto base, como se estivessem ali, ocultas, esperando olhos treinados que as percebam.

Como ler tantas questões estando cansado e, ainda assim, conseguir interpretá-las e fazer uma boa prova? Com a prática, com o hábito! Se você não usa diariamente o seu tempo para se assentar um pouco e ler sem mexer no celular, se você não consegue passar uma hora lendo um livro, se você não consegue dizer com suas palavras o que acabou de ler… então terá muito mais dificuldade no Enem.

Contudo, treinar todos os dias, ler todos os dias, fazer resumos todos os dias, falar em voz alta o que entendeu de um livro lido todos os dias – ou pelo menos uma vez por semana – com certeza fará com que você seja um aluno muito melhor em interpretação de texto.

Todas as questões do Enem possuem textos extensos, poemas, trechos de obras de literatura, contextualizações, verdadeiras histórias e narrativas antecipando questões, seja em matemática, biologia ou português, por exemplo. Serão 5 horas dedicadas a leitura, interpretação e esforço. Entende o porquê da necessidade de começar a treinar hoje mesmo usando um pouco do seu tempo todo dia? Interpretação também é resistência, afinal, uma mente cansada não interpreta bem.

Aplique as dicas e habilidades para interpretação e, além disso, exercite o cérebro para que ele resista a várias horas de leitura sem perder o fio da meada, ou seja, sem perder o entendimento do que lê. Assim, ficará muito mais fácil o entendimento de qualquer texto e seu desempenho aumentará ainda mais😉

Quero receber notícias do PRAVALER

Preencha o campo abaixo com seu e-mail e fique sabendo tudo sobre o PRAVALER em primeira mão.