Currículo Lattes – o que é, qual a importância e como fazer o seu Currículo Lattes – o que é, qual a importância e como fazer o seu

Currículo Lattes – o que é, qual a importância e como fazer o seu

Se você pretende entrar na carreira acadêmica, com certeza vai se deparar com essa ferramenta em algum momento da vida profissional. Quer saber mais sobre o currículo Lattes e como fazer o seu? Então acompanhe este artigo!

O que é currículo Lattes

O currículo Lattes é uma das ferramentas mais importantes do mundo acadêmico. É por meio dele que os profissionais podem relatar suas experiências, entrar em contato com outros profissionais e ter acesso a documentos e materiais de estudo. Foi criado em 1999 pelo CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) para atender a necessidade de reunir em uma plataforma a jornada acadêmica de estudantes, pesquisadores e docentes de ensino superior no Brasil.

O que faz o CNPq?

Antes de tratarmos mais profundamente sobre o currículo Lattes, é importante trazer o histórico do CNPq e sua importância na comunidade acadêmica. Criada em 1951, o CNPq é uma agência governamental ligada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) que tem o objetivo de promover o saber por meio do incentivo aos novos pesquisadores brasileiros que trabalham em temáticas ligadas a ciência e tecnologia, além de promover a pesquisa brasileira no cenário científico internacional.

É voltado especialmente para os estudantes de Ensino Médio e Superior até os níveis educacionais mais avançados, como Pós-graduação (mestrado e doutorado) e Pós-doutorado, que têm o interesse de atuar na pesquisa científica ou no desenvolvimento de centros tecnológicos.

Nesse contexto, o papel do CNPq é ofertar bolsas de estudo para que os pesquisadores possam desenvolver suas contribuições para a pesquisa acadêmica, além de destinar recursos financeiros (diretamente ou em forma de parceria com os estados brasileiros) para a implementação de projetos e redes de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D).

Por conta do alto volume de informações de profissionais ligados à entidade, o CNPq desenvolveu a Plataforma Lattes para centralizar, organizar e padronizar os dados da comunidade acadêmica, facilitando o acesso ao histórico de projetos científicos e aos currículos acadêmicos de milhares de profissionais, além de integrar outros dados e estatísticas da produção científica no Brasil por região, instituição, sexo e idade, por exemplo.

Diferenças entre currículo Vitae e currículo Lattes

O currículo Vitae, assim como o Lattes, reúne as informações sobre a jornada profissional de um indivíduo e ele é avaliado na maioria das vagas de emprego pelos recrutadores. Porém, tanto o formato quanto o objetivo de ambos são bem diferentes, por diversas razões. Enquanto o currículo Vitae é voltado para o mercado de trabalho em geral, o Lattes é fundamentalmente voltado para a comunidade acadêmica, com informações sobre a jornada do profissional dentro deste contexto.

Além disso, enquanto o Vitae pode ser apresentando em diversos formatos e não possui nenhuma obrigatoriedade em relação ao seu padrão, o Lattes deve seguir uma série de critérios de comprovação das experiências apresentadas, além de ser vinculado à Receita Federal para dificultar a ocorrência de fraudes.

Vale ressaltar que não há nenhum problema em ter os dois tipos de currículo. Caso você se candidate a uma vaga fora do universo acadêmico, poderá apresentar seu currículo vitae. Porém, se o seu interesse é participar de um processo seletivo para dar aulas no ensino superior, por exemplo, provavelmente o currículo exigido será o Lattes.

Para que serve o currículo Lattes

O currículo Lattes é uma espécie de “identidade acadêmica”, em que estarão registradas todas as suas conquistas ao longo da sua carreira. Nele, constará toda a sua trajetória desde os primeiros projetos realizados na graduação e o TCC até a sua tese de pós-doutorado – e tudo isso ficará disponível para a comunidade acadêmica e recrutadores.

Vantagens de ter o currículo Lattes

Ao longo dessa leitura, você já deve ter percebido que o Lattes é uma das ferramentas mais relevantes do meio acadêmico, já que é por meio dele que o profissional se apresenta para o mercado e pode compartilhar suas conquistas. Continue acompanhando e entenda qual é a importância de se criar um currículo Lattes.

Por que ter um?

O currículo Lattes é o cartão de visitas do profissional para o mercado acadêmico. Sempre que houver um processo seletivo em áreas como pesquisa ou docência, por exemplo, é este documento que será buscado – e exigido – para que ele possa ser convocado para a vaga. Nesse sentido, é fundamental que este currículo esteja disponível na plataforma, sempre atualizado com todos os projetos em que esteve envolvido ao longo da carreira.

Todos podem ter um currículo Lattes?

Qualquer pessoa pode se cadastrar na plataforma. Porém, o Lattes se destina especificamente para comunidade acadêmica e as informações que deverão constar no currículo são destinadas a esse tipo de interesse. Caso a trajetória profissional seja predominantemente voltada para o mercado de trabalho fora desse universo, talvez seja mais proveitoso investir o tempo em plataformas com maior visibilidade nesse sentido, como o LinkedIn, por exemplo.

Quando fazer meu currículo Lattes?

O quanto antes! Assim que você entra na graduação, já pode fazer seu cadastro na plataforma para registrar suas primeiras experiências, como a iniciação científica, por exemplo, ou o TCC quando você concluir o curso. Ao longo da carreira, você poderá registrar os projetos que participou e aos poucos ir construindo e dando consistência ao seu currículo.

Como utilizar a Plataforma Lattes

Na Plataforma Lattes é possível consultar ou inserir no currículo qualquer tipo de material ou projeto acadêmico. Veja alguns exemplos:

  • Apresentações de trabalhos ou palestras;
  • Artigos publicados;
  • Entrevistas;
  • Participação em eventos, congressos, exposições, feiras e olimpíadas;
  • Mesas-redondas;
  • Projetos de extensão;
  • Redes sociais;
  • Blogs com temática acadêmica;
  • Textos publicados em jornais ou revistas;
  • Trabalhos técnicos;
  • Participação em bancas de trabalhos de conclusão;
  • Projetos de pesquisa;
  • Grupos de pesquisa;
  • Coautoria em artigos;
  • Monografia;
  • Capítulos de livros acadêmicos.

Como buscar currículos de outros pesquisadores

Para encontrar o currículo de outros pesquisadores e consultar suas produções acadêmicas é preciso entrar no site http://lattes.cnpq.br/ e procurar, no lado direto da tela, a opção “Buscar currículo”. É possível filtrar os resultados por nome do autor ou assunto (título ou palavra-chave) do documento que você deseja encontrar.

A busca poderá ser feita na base de doutores ou demais pesquisadores, como mestres, graduados, técnicos, estudantes, e por nacionalidade. Caso seja necessário refinar ainda mais a pesquisa, outros filtros poderão ser utilizados, considerando critérios como atuação profissional do pesquisador, sua titulação ou se é bolsista do CNPq.

Como fazer um currículo Lattes

Agora que você já entendeu a importância do currículo Lattes para sua carreira acadêmica, o próximo passo é aprender a montar o seu. Elaboramos um passo a passo super simples para você se cadastrar na plataforma e inserir as informações básicas no documento. Continue acompanhando!

Curriculo lattes o que e qual a importancia e como fazer o seu mobile

Como se organiza o currículo Lattes?

Antes de começar a inserir seus dados na plataforma, é importante que você reúna todos os documentos necessários para comprovar a sua experiência. Para isso, vale compilar diplomas, certificados e documentos assinados pelo docente responsável pelas atividades desempenhadas. Caso você tenha fluência em algum idioma, para dar credibilidade a este feito, é fundamental que você apresente os certificados de proficiência, como o TOEFL, por exemplo. Caso não seja fluente, coloque seu nível real do idioma e atualize conforme você for evoluindo.

Que informações devo inserir?

O primeiro passo é inserir seus dados pessoais, como nome, endereço completo, formação acadêmica, entre outros. Esses dados são básicos e necessários para você concluir seu cadastro. Depois dessa etapa inicial, você pode ir completando com os outros projetos acadêmicos que participar ao longo da carreira. O importante é manter seu currículo sempre atualizado, pois ele poderá ajudar em muitas oportunidades para participação em novos trabalhos ou mesmo em um processo seletivo.

Cadastre-se na Plataforma

Acesse o site http://lattes.cnpq.br/ . Ao entrar na página, do lado direito, clique em “Cadastrar novo currículo”. Neste momento, você vai adicionar seus dados nos campos “País de Nacionalidade” e criar seu login e senha através do seu e-mail. Preencha todos os campos e, em seguida, clique em “Próxima”.

Curriculo Lattes Cadastro

Informações Pessoais

Agora é o momento de inserir suas informações pessoais. Você deverá inserir o nome completo, data e país de nascimento, sexo, os números do RG e do CPF, foto de perfil, entre outros. Lembre-se de que esses dados devem estar idênticos àqueles disponibilizados para a Receita Federal para que você não tenha problemas para confirmar sua conta.

Curriculo Lattes Cadastro 2

No campo “Endereço e contato” você deverá colocar o endereço residencial ou profissional.

Curriculo Lattes Cadastro 2

Formação acadêmica

No campo “Formação acadêmica”, você pode escolher entre formação concluída ou em andamento, nas opções Ensino Fundamental (1º grau), Ensino Médio (2º grau), Graduação, Mestrado e Doutorado. Em seguida, preencha com o nome da instituição e o ano de início e conclusão da formação.

Curriculo Lattes Cadastro 3

Área de atuação

No campo “Área de atuação”, você irá inserir o segmento em que atua de forma mais geral, como “Marketing”, por exemplo. Também será pedido nessa etapa as suas habilidades linguísticas, onde você poderá listar os idiomas e o nível de fluência de cada um.

Curriculo Lattes Cadastro 4

Confirme suas informações

Nesse momento, o sistema vai informar você caso tenha esquecido de preencher algum dado ou se estiver algo incorreto. Caso esteja tudo certo, as informações vão aparecer junto a sua foto e você deverá aceitar os termos de uso. Para finalizar, basta clicar em “Enviar ao CNPq”.

Dica extra: não se esqueça de criar um bom texto inicial de apresentação, o famoso “sobre mim”, onde você fala em linhas gerais sobre a sua jornada acadêmica. Essa descrição deve ser bem objetiva, com linguagem formal, apresentando de forma resumida as suas experiências acadêmicas e profissionais. Para editá-lo, basta ir até a barra principal, depois clicar em “Dados gerais” e em seguida “Texto inicial”.

Revise e mantenha o cadastro atualizado

Um ponto muito importante no momento de montar o seu currículo Lattes é revisar as informações com muita atenção. Vale até pedir a outra pessoa que revise a ortografia – especialmente no texto de apresentação – para garantir que nenhum erro passe despercebido por você no momento de editar o documento. Lembre-se de que, muitas vezes, o seu Lattes será o primeiro contato que um eventual recrutador terá com você e nesse momento é imprescindível apresentar uma boa imagem.

Como atualizar

Para atualizar seu currículo na plataforma, você deverá acessar o site e, no menu do lado direito da tela, clicar em “Atualizar currículo”. Você será direcionado para a página de login, onde deverá inserir seu usuário e senha. Em seguida, você irá para a página de atualização, onde as informações estão editáveis para você incluir, alterar ou excluir qualquer informação que desejar.

Por que é importante manter esse currículo atualizado?

Como já falamos algumas vezes neste artigo, o seu Lattes é o seu cartão de visita e em grande parte das vezes poderá ser decisivo para que você possa receber inúmeras oportunidades no mundo acadêmico, tanto em processos seletivos como convites para projetos de pesquisa, congressos, entrevistas, entre outros. Esse documento conta muitos pontos para a sua carreira, além de mostrar para a comunidade o seu objeto de pesquisa e sua dedicação em relação a produção do conhecimento científico no Brasil e no mundo.

Além disso, manter as informações atualizadas de professores e pesquisadores é uma exigência das instituições de ensino, pois as agências de fomento como a Capes, o CNPq e o Ministério da Educação utilizam os dados do Lattes para realizar a avaliação anual dos cursos e universidades do país.

Impressão

Caso você precise imprimir o seu currículo Lattes, ou mesmo salvar em PDF para disponibilizar por e-mail ou outras mídias, deverá fazer o seguinte processo:

  1. Após logar em sua conta com usuário e senha, clique no ícone da impressora, no canto superior esquerdo da tela.
  2. Uma nova janela será aberta, onde é possível personalizar o que será apresentado no arquivo. Basta selecionar as opções que devem ser mostradas, como “Atuação profissional” ou “Formação acadêmica”, por exemplo. Clique em “Confirmar”, no canto direito inferior da janela.
  3. A plataforma irá mostrar uma mensagem confirmando a geração do currículo. Clique em “OK” e, depois, clique novamente no ícone de impressão, como no item 1.
  4. Uma janela será aberta e você poderá imprimir o documento ou salvar o PDF. Para isso, selecione “Alterar” para escolher a forma de impressão. Opte por “Salvar como PDF” e, em seguida, em “Salvar”.

Agora que você já sabe como fazer um currículo Lattes, e caso você já esteja na graduação, vale a pena já começar a montar o seu para construir a sua trajetória na ferramenta. E lembre-se sempre de mantê-la atualizada com os projetos que participar em sua jornada acadêmica para que toda a comunidade científica te conheça e possa acompanhar suas conquistas. 😊

Categoria: DiversosPRASABER

Quero receber notícias do PRAVALER

Preencha o campo abaixo com seu e-mail e fique sabendo tudo sobre o PRAVALER em primeira mão.