Curso Técnico em Análises Clínicas – saiba tudo sobre a profissão Curso Técnico em Análises Clínicas – saiba tudo sobre a profissão

Curso Técnico em Análises Clínicas – saiba tudo sobre a profissão

O curso técnico em análises clínicas capacita o aluno para trabalhar na área da saúde, principalmente em laboratórios, pois prepara o profissional para diagnosticar os mais variados tipos de doenças a partir de análises minuciosas, podendo atuar também como responsável pela coleta de sangue em exames.

Além de laboratório de análises, após a formação, o jovem estará pronto para trabalhar em hospitais, posto de saúde, laboratórios de pesquisa, instituições de ensino e indústria de cosméticos, alimentícia ou farmacêutica.

E aí, se identificou? Continue acompanhando e saiba tudo sobre essa profissão!

Como funciona o curso técnico em análises clínicas?

A carga horária do curso é de 1200 horas, com aulas teóricas e práticas em laboratórios de microbiologia, de bioquímica, unidade de análises clínicas e de informática. Durante a formação, vários temas podem ser abordados, tais como: biologia molecular, hematologia, imunologia, parasitologia, química e fisiologia.

Ao final do curso, o aluno deve fazer um estágio supervisionado e, após se formar, poderá solicitar ao CRF-SP (Conselho Regional de Farmácia) a carteira profissional de técnico em análises clínicas.

Quem pode fazer o curso técnico em análises clínicas?

Para realizar a inscrição no curso técnico em análises clínicas é necessário cumprir alguns requisitos, tais como: o estudante deve estar cursando ou ter concluído o ensino médio e a idade mínima pode variar de acordo com cada instituição de ensino.

Além disso, o estudante precisa ser organizado e atento, pois ele será o responsável por fazer a análise dos mais diversos materiais coletados, como amostragem para diagnosticar a origem de variados casos, doenças etc. Então, a dica é conferir as informações na instituição de ensino desejada e avaliar se você atende a todos os requisitos necessários.

Áreas de atuação

Colher materiais biológicos em condições de serem usados para análise e pesquisa é uma das principais características do técnico em análises clínicas. É este profissional que faz exames laboratoriais, analisando e emitindo o parecer sobre eles. Ele deve saber operar os equipamentos necessários e lidar com o público, uma vez que tem contato direto com os pacientes.

Sendo assim, o técnico em análises clínicas tem como principais responsabilidades:

  • Realização de procedimentos laboratoriais;
  • Coleta, processamento e análise de amostras biológicas;
  • Avaliar e interpretar os resultados de testes;
  • Orientar o paciente;
  • Comparar resultados de testes para a identificação de doenças;
  • Testar sangues para identificar a eficácia de tratamentos contra doenças específicas;
  • Analisar os constituintes químicos dos fluidos corporais;
  • Relacionar bolsas de sangue com os receptores corretos de acordo com cada tipo sanguíneo.

Tipos de cursos

EAD

É uma forma de aprendizado que vem se tornando popular nos últimos anos. A maior parte do curso acontece com o auxílio da internet, em um ambiente virtual de aprendizagem, chamado AVA. É nesta sala de aula virtual que o aluno assiste às aulas em vídeo, acessa os conteúdos em texto, realiza as tarefas e os exercícios.

Durante o curso, a atuação do professor ocorrerá, em grande maioria, a distância, apoiada por suportes tecnológicos e materiais didáticos estruturados para a aquisição da aprendizagem remota.

Semipresencial

Conhecidos como cursos híbridos, os cursos semipresenciais são a mistura do ensino EAD com o ensino presencial. Para um curso ser considerado semipresencial, é necessário que ao menos 20% da carga horária seja destinada para aulas a distância.

Os cursos semipresenciais possuem encontros presenciais em sua maior parte da carga horária, que ocorrem de 1 a 2 vezes por semana, dependendo da instituição de ensino. Quando o aluno não tem aula presencial, ele pode se dedicar ao ambiente virtual de aprendizagem para realizar as suas tarefas.

Presencial

É a modalidade tradicional e os horários das aulas variam de acordo com o período de preferência do aluno ou da instituição. O curso técnico em análises clínicas é voltado para a área biológica, com disciplinas ligadas à área de atuação desse profissional.

Como acontece em grande parte dos cursos técnicos profissionalizantes, para obter o diploma de conclusão de curso é preciso que o aluno passe por um estágio supervisionado, validando na prática o que foi visto dentro da sala de aula.

Qual o salário de um técnico em análises clínicas?

O salário de um técnico em análises clínicas é de aproximadamente R$ 1.618,00, variando de acordo com o segmento escolhido e a função que exerce. Existem casos em que ele chega a superar os R$ 2.600,00.

Onde fazer curso técnico em análises clínicas?

Existem diversas instituições de ensino públicas ou privadas que oferecem o curso técnico em análises clínicas. Confira as principais:

  1. Senac
  2. Universidade de Mogi das Cruzes (UMC)
  3. Faculdade Método de São Paulo (FAMESP)
  4. Faculdade Eficaz
  5. Faculdade Finaci

Qual a duração média de um curso técnico em análises clínicas?

A duração de um curso técnico em análises clínicas varia de acordo com a instituição e modalidade escolhida, mas, geralmente, é de 18 meses (1 ano e meio).

Diploma e certificado

O curso técnico garante ao estudante um certificado registrado e reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC). Com o diploma de formação profissionalizante, o técnico em análises clínicas pode solicitar o seu registro junto no Conselho Regional de Farmácia do estado e exercer as atividades estudadas.

Possibilidades de certificação intermediária

Há também a opção de uma certificação intermediária para o curso:

  • Auxiliar técnico em patologia clínica;
  • Auxiliar de laboratório de análises clínicas;
  • Auxiliar de Laboratório de Saúde.

Possibilidades de especialização técnica

Quem opta por um curso técnico, também tem a possibilidade de dar continuidade nos estudos e fazer uma especialização técnica. Veja as opções para técnico em análises clínicas:

  • Especialização técnica em parasitologia;
  • Especialização técnica em microbiologia médica;
  • Especialização técnica em imuno-hematologia;
  • Especialização técnica em bioquímica;
  • Especialização técnica em biologia molecular;
  • Especialização técnica em urinálise.

Possibilidades de verticalização para cursos de graduação superior

Para aqueles que desejam cursar uma graduação após o curso técnico, as opções relacionadas são:

A oportunidade de crescimento e de descobrir novas possibilidades de emprego serão aumentadas consideravelmente após realizar uma graduação superior.

Terminei o curso técnico em análises clínicas. E agora?

Ter feito estágio durante o curso trará uma ideia da área que você escolheu e dos próximos passos que serão dados na carreira. Depois de concluir o curso, você estará devidamente pronto para buscar o seu espaço em laboratórios e hospitais. Isso porque terá todos os conhecimentos necessários para concorrer às melhores vagas do mercado de trabalho.

Agora que apresentamos o conteúdo sobre técnico em análises clínicas, seja qual for a área de atuação que você deseja, o mais importante é que você goste da profissão e esteja com disposição para ajudar o próximo.

Quando for escolher a universidade, não se esqueça de conferir se o PRAVALER está presente. Nós ajudamos a realizar o sonho de dar continuidade nos estudos!

Quero receber notícias do PRAVALER

Preencha o campo abaixo com seu e-mail e fique sabendo tudo sobre o PRAVALER em primeira mão.