Existe alguma graduação específica para quem quer trabalhar na ONU?

A Organização das Nações Unidas (ONU) recruta profissionais de diversas áreas e em dezenas de países de todo o mundo. Mas para fazer parte dessa equipe, é preciso que você tenha um diploma de graduação, saiba mais de uma língua e se interesse no que chamamos de áreas de desenvolvimento social. Você pode trabalhar na ONU como voluntário, com vagas colaborativas e também em vagas nacionais e internacionais. Saiba mais!

A graduação e o trabalho na ONU

A verdade é que não existe uma única graduação para quem quer trabalhar na ONU, muito menos uma lista delas. Você precisa gostar do que faz e desempenhar bem o seu papel profissional. Depois, é hora de ficar de olhos nos editais para a abertura de vagas e passar por um processo seletivo.

É claro que a graduação em Relações Públicas e a em Relações Internacionais ajudam na hora de escolher um cargo na entidade, mas é preciso lembrar também que graduações na área de Comunicação Social também podem fazer de você um candidato com mais chances para os cargos.

Por isso, os consultores e profissionais da ONU afirmam que não é preciso ter nenhuma graduação específica para trabalhar lá, já que você apresenta seu currículo e também realiza uma série de provas que irão mostrar se está apto ou não para desempenhar o trabalho.

A graduação não define o seu cargo na ONU

A graduação superior faz com que você possa participar dos processos seletivos da ONU. No entanto, não necessariamente uma pessoa que tenha graduação em Relações Internacionais trabalhará em cargos relacionados ao curso e terá uma agenda internacional.

Na entidade, existem pessoas formadas em Rádio e que também atuam nas áreas de Relações Públicas e Jornalismo. O importante é que você goste do que faz e que sempre esteja se atualizando para melhorar o seu trabalho.

Também é preciso desmistificar a ideia de que todos os trabalhadores da ONU fazem dezenas de viagens por ano. Alguns cargos tem sim uma agenda internacional, mas a maior parte é local e trabalha com projetos feitos no próprio estado ou país.

Isso acontece porque a ONU mantém um banco de recrutamento em milhares de regiões de todo o globo e poucas são as vezes em que as vagas internacionais aparecem. Em alguns casos, é normal que a ONU faça a seleção de uma graduação específica para uma ação. Por exemplo, nos últimos meses, a ONU vem procurado profissionais com graduação em Medicina para combater o surto de ebola da África.

Se você quer saber mais sobre diversos cursos de graduação e ainda receber dicas, continue acessando o nosso blog!

Categoria: Profissões

Quero receber notícias do Pravaler

Preencha o campo abaixo com seu e-mail e fique sabendo tudo sobre o Pravaler em primeira mão.