5 dicas para você se tornar um freelancer

Entrar na faculdade é um grande passo para qualquer um de nós. Alguns estudantes têm que trabalhar para pagar integral ou parcialmente a mensalidade; outros têm auxílio dos pais; e outros ainda têm auxílio de programas como ProUni e FIES para ingressar e se manter no ensino superior. Mas e se a grana apertar? Será que não há nada a ser feito para ter um extra ao final do mês e ajudar na manutenção dos estudos? Vem com a gente e fique por dentro de como se tornar uma freelancer!

 

Freelancer? O que é?

Freelancer é um profissional que trabalha para si, sendo ele seu próprio chefe. Todo o trabalho consiste em produção e ele recebe de acordo com a quantidade que produz.

Existem freelancers que trabalham com produção de texto, revisão de trabalhos acadêmicos e fotografias. Nesse último caso, por exemplo, o profissional freelancer pode trabalhar em eventos, fazendo books fotográficos, cobrindo alguma notícia e, posteriormente, vendendo seus registros aos canais interessados em divulgá-los.

Tais profissionais podem optar por serem pessoas jurídicas (emitem nota fiscal pelo trabalho prestado) ou não.

5 dicas para se tornar um freelancer

Que tal aproveitar o pouco tempo que a faculdade libera para aprender novas funções e, com isso, ainda levar uma graninha e conhecimento para casa?Seguem algumas dicas para iniciar e manter uma carreira de freelancer:

1 – Abuse da internet

Ela é a sua grande aliada e é por meio dela que você fará a divulgação de seus serviços, captará clientes, conseguirá realizar pesquisas de forma rápida e segura. Crie perfis em redes sociais para auxiliarem na divulgação de seu trabalho como freelancer, inclusive em redes sociais que permitem a criação de um portifólio.

2 – Organize seus pagamentos

na grande parte do tempo, você não terá contato direto com seu cliente e, por isso, será necessário o uso de plataformas seguras para realização de pagamentos por trabalho feito. Tudo deve ser estipulado e acordado entre o cliente e o freelancer, antes da realização do trabalho, em um contrato. Busque a ajuda de um advogado.

3 – Tenha disciplina

Não é porque você vai trabalhar em casa que pode ficar relaxado. Sem disciplina, o plano de ser um freelancer vai por água abaixo. Então, crie um calendário de produção de freelas com as brechas que a faculdade dá.

Sua produção se dará em casa? Na faculdade? Independentemente do local escolhido, estipule horário para tudo: acordar, pesquisar e realizar o freela, comer… Fora suas outras atividades, como ir estudar e ir à faculdade.

4 – Busque aprimoramento

Tenha em mente que nem sempre você terá clientela e freelas para fazer. Aproveite esses momentos de baixa na produção para se atualizar, pesquisar e estudar mais sobre o seu trabalho.

5 – Mantenha o equilíbrio

“Equilíbrio” é a palavra-chave para um freelancer, pois ele tem que saber suportar pressão quanto aos prazos de entrega dos freelas. Fora isso, há o equilíbrio entre a vida pessoal e a profissional. O freelancer, em certos momentos, tem que focar sua atenção e dedicação, exclusivamente, à faculdade e, em outros momentos, à produção de freela ou, ainda, à vida familiar.

Gostou das nossas dicas sobre como se tornar um freelancer? Quer compartilhar com a gente as suas experiências? Comente!

Categoria: Profissões

Pensamos na sua privacidade

Usamos cookies para que sua experiência seja melhor. Ao continuar navegando, você está ciente dos nossos Termos e Políticas.

CONTINUAR