AVALIAÇÕES DO MEC
Universidade
Curso

Curso de Gestão Hospitalar UDF

Faça o Curso de Gestão Hospitalar UDF com mensalidades que cabem no seu bolso.

Se preferir, FAÇA UMA SIMULAÇÃO no nosso aplicativo, clicando aqui. Disponível, por enquanto, somente no Google Play.

Sobre o Curso


exibir mais

exibir menos

O hospital é uma empresa como qualquer outra, com o diferencial que funciona 365 dias ininterruptos e cujo ´produto´ é a saúde humana. E por essa característica especial, a assistência de qualidade a ser prestada depende do suporte eficiente de um bom gestor.

O curso Gestão Hospitalar tem esse objetivo, o de formar um profissional com vivência na área da saúde e competência administrativa, ou seja, capacitado para tratar da contabilidade, recursos financeiros, controle de compras e custos, recursos humanos, planejamento estratégico, planejamento de manutenção preventiva de equipamentos médicos, controle de estoque de medicamentos, processos de limpeza, marketing, logística, convênios e destinação de resíduos hospitalares, entre outras atribuições.

Titulação: Tecnólogo em Gestão Hospitalar

Duração do Curso

Semestres: 6

Anos: 3

Turnos

Manhã

Tarde

Noite

Tipos de Graduação

Presencial

Formas de pagamento

Financiamento

SIMULADOR

Saiba até quanto você pode financiar

Qual é a sua renda?

R$

Qual é a renda do seu garantidor?

R$
Você pode financiar um curso com mensalidade de até:

R$ 453,64

sujeito a análise de crédito e outras
comprovações
QUERO ME CADASTRAR
JUROS PRAVALER X OUTROS

Dúvidas Frequentes

1. O curso de Gestão Hospitalar da UDF é reconhecido pelo MEC?

O curso é reconhecido pelo MEC, mas não possui avaliação.

2. Qual a grade curricular do curso de Gestão Hospitalar na UDF?

O Curso de Gestão Hospitalar da Universidade UDF possui a seguinte Grade Currícular

1º Período:
  • Língua Brasileira de Sinais;
  • Gestão Ambiental e Responsabilidade Social (EAD);
  • Gestão de Recursos Materiais e Patrimoniais;
  • Gestão de Manutenção de Equipamentos Hospitalares;
  • Gestão de Serviços de Documentação Hospitalar;
  • Estatística de Serviços de Saúde;
  • Estudos Dirigidos I.
2º Período:
  • Tecnologias da Informação e da Comunicação (EAD);
  • Optativa;
  • Logística Hospitalar;
  • Empreendedorismo;
  • Gestão e Segurança no Ambiente Hospitalar;
  • Assistência Suplementar de Saúde;
  • Políticas Públicas de Saúde.
3º Período:
  • Estudos Dirigidos II;
  • Diversidade Étnico-Cultural (EAD);
  • Optativa;
  • Auditoria Hospitalar;
  • Plano de Negócios em Saúde;
  • Design de Interiores Hospitalares;
  • Hotelaria Hospitalar.
4º Período:
  • Acreditação Hospitalar;
  • Estudos Dirigidos III;
  • Ergonomia e Segurança do Trabalho (EAD);
  • Ética Profissional;
  • Optativa;
  • Gestão de Serviços ao Cliente;
  • Gestão de Resíduos Hospitalares.
5º Período:
  • Gestão de Pessoas;
  • Gestão de Serviços Essenciais;
  • Gestão de Serviços de Apoio;
  • Estudos Dirigidos IV;
  • Gestão em Saúde (EAD);
  • Optativa; Marketing de Serviços.
6º Período:
  • Comunicação Interna;
  • Biossegurança;
  • Higiene Hospitalar;
  • Estudos Dirigidos V;
  • Língua Portuguesa (EAD);
  • Administração;
  • Direito do Trabalho e Coletivo;
  • Legislação Hospitalar;
  • Contabilidade e Custos Hospitalares;
  • Estudos Dirigidos.

3. Qual a média salarial de um profissional formado em Gestão Hospitalar?

A média salarial do profissional Gestão Hospitalar varia de R$ 2.672 a R$ 10.268, de acordo com a região e tempo de atuação.

4. Quais os objetivos do curso de Gestão Hospitalar da UDF?

O curso é organizado por disciplinas que desenvolvem as competências profissionais necessárias para a atuação do gestor hospitalar e que são atualizadas periodicamente em razão das necessidades do mercado.

Ao concluir o curso, o profissional poderá ingressar em uma Pós-Graduação Lato Sensu (Especialização) ou Stricto Sensu (Mestrado), ou até mesmo optar por um curso de Bacharelado, aproveitando os estudos já realizados.

5. Onde um profissional formado em Gestão Hospitalar pode atuar?

O gestor hospitalar, em geral, lida com três grandes desafios: gestão do corpo clínico, desenvolvimento tecnológico e a relação custo/benefício envolvendo essas duas áreas. Esse tripé se aplica a diversas organizações onde esse profissional pode atuar, além de hospitais públicos ou privados, tais como: clínicas médicas (policlínicas), laboratórios de análises clínicas, spas, casas de repouso e também em empresas prestadoras de serviços em saúde. O mercado de trabalho para esse profissional está em franca expansão e oferece oportunidades atraentes.

Campus e Polos

Esses são os campus e polos presenciais dessa universidade

Ainda está com dúvidas?
Entramos em contato.

Deixe os seus dados aqui e ligamos pra você.