Mitos e verdades sobre o vestibular de meio de ano

Quem deseja ingressar em um curso superior concorrido e não consegue fazer isso de primeira geralmente se prepara ao longo de um ano inteiro antes de tentar outra vez. Mas nem sempre é necessário!

Uma opção para adiantar a entrada na universidade em um semestre é prestar o vestibular de meio de ano (ou de inverno) que algumas universidades oferecem. Confira os principais mitos e verdades sobre ele no post de hoje:

Geralmente, o vestibular de meio de ano é menos concorrido

Verdade. Como nem todas as universidades são adeptas do vestibular de meio de ano e ele ainda é pouco divulgado, pouca gente fica sabendo dessa grande oportunidade em tempo hábil para fazer a inscrição.

Além disso, muitos estudantes não sentem confiança para fazer uma nova prova sem se preparar por pelo menos um ano. Portanto, essa é uma boa chance para quem não passou no último vestibular por pouco e acha que está pronto!

É mais fácil

Mito. O vestibular de meio de ano parece mais fácil justamente por conta da baixa concorrência. No entanto, o nível de dificuldade é o mesmo dos processos seletivos tradicionais e o tempo curto para os estudos inspira alguns cuidados.

Para ganhar tempo, o candidato deve estudar todos os dias ao longo do primeiro semestre, inclusive aos sábados e domingos. Também vale focar nos temas mais importantes de cada disciplina e se informar sobre atualidades.

Pode ser uma boa oportunidade para treinar

Verdade. Como forma de preparação, muitos alunos fazem simulados para testar seus conhecimentos e sua gestão de tempo. Porém, só o vestibular da universidade para a qual você deseja passar pode dar resultados realistas!

Essa experiência também pode ser de grande ajuda para quem é aplicado nos estudos e acaba ficando nervoso na hora das provas. Quem sabe você não aprende a se controlar um pouco melhor?

É uma alternativa para quem não passou no curso que queria

Mito. Ainda que o vestibular de meio de ano seja uma excelente oportunidade para muitas pessoas, não deve ser encarado como um atalho para o ensino superior por quem ainda não conquistou a aprovação no curso desejado.

Todo candidato para Medicina conhece alguém que passou no vestibular para outro curso da área da saúde, frequentou as aulas por um tempo e acabou largando para perseguir seu sonho. Mas isso se aplica a todos os campos, hein?

Oferece menos cursos

Verdade. Como os diferentes cursos que compõem uma universidade funcionam de maneiras particulares e contam com quantidades específicas de vagas, nem todos são ofertados no vestibular de meio de ano.

Inclusive, é por isso que muitas pessoas se inscrevem (e às vezes passam) para cursos nos quais não têm a intenção de se formar. Se esse for o seu caso, abra mão da vaga ou aposte na modalidade de treinamento.

Para não perder o período de inscrições para o vestibular de inverno da universidade na qual você pretende ingressar, fique de olho na página de notícias do site oficial da instituição!

Gostou de conhecer os principais mitos e verdade sobre o vestibular de meio de ano? Então aproveite para compartilhar esse post com os seus amigos nas redes sociais!

Pensamos na sua privacidade

Usamos cookies para que sua experiência seja melhor. Ao continuar navegando, você está ciente dos nossos Termos e Políticas.

CONTINUAR