25 profissões em alta em 2022 que podem mudar o rumo da sua carreira

Recrutador especializado em tecnologia, cientista de dados, engenheiro de software e gestor de tráfego são apenas algumas carreiras valorizadas pelo mercado, segundo levantamento do LinkedIn

25 profissões em alta em 2022 que podem mudar o rumo da sua carreira25 profissões em alta em 2022 que podem mudar o rumo da sua carreira

Por PRASABER

O Linkedin, rede social voltada para a carreira, listou 25 empregos que cresceram nos últimos 4 anos e meio e que devem continuar liderando as contratações este ano. Tecnologia da Informação, Ciência de Dados e Design são as áreas de destaque no Brasil, conforme aponta a listagem. 

Um dos fatores que contribuem para a valorização desses profissionais é o fato das empresas estarem se adaptando aos escritórios híbridos e à digitalização das atividades. Para isto, as companhias estão dando prioridade para aperfeiçoar a experiência dos usuários, os sistemas de análises de dados e cibersegurança e, ainda, garantir um ótimo funcionamento das redes sociais. 

Com o aumento na oferta de vagas para profissionais de TI, por exemplo, surge também a necessidade de contratar recrutadores especializados em tecnologia, o que explica o motivo deste cargo ocupar a primeira posição do ranking no Brasil. 

O estudo do LinkedIn levou em consideração dados da plataforma para identificar os cargos que tiveram a demanda mais alta entre janeiro de 2017 e julho de 2021, mostrando que as áreas da tecnologia devem ser as principais responsáveis por movimentar as oportunidades no mercado de trabalho brasileiro em 2022. 

Veja a lista das 25 profissões em alta demanda no Brasil: 

  • Recrutador(a) especializado(a) em tecnologia 
  • Engenheiro(a) de confiabilidade de testes 
  • Engenheiro(a) de dados 
  • Especialista em cibersegurança 
  • Representante de desenvolvimento de negócios 
  • Gestor(a) de tráfego 
  • Engenheiro(a) de machine learning 
  • Pesquisador(a) em experiência do usuário 
  • Cientista de dados 
  • Analista de desenvolvimento de sistemas 
  • Engenheiro(a) de robótica 
  • Desenvolvedor(a) back-end 
  • Gerente de engajamento 
  • Gerente de equipe de produto 
  • Engenheiro(a) de QA (Quality Assurance) 
  • Consultor(a) de gestão de dados 
  • Líder de experiência do cliente 
  • Analista de design 
  • Analista de soluções 
  • Analista de gestão de riscos 
  • Designer de produto 
  • Coordenador(a) de vendas internas 
  • Enfermeiro(a) intensivista 
  • Designer de conteúdo 
  • Instrutor(a) de Agile 

Seja qual for a sua escolha, lembre-se de que é essencial compreender o seu perfil profissional, testar as suas capacidades para o mercado de trabalho e, principalmente, entender as atribuições que mais se identifica. Dessa forma, será muito mais fácil encontrar a sua profissão e se dar bem no setor. 

Para dar um empurrãozinho no processo de escolha, ainda é possível realizar testes de aptidão ou ainda testes vocacionais em sites especializados, assim, se você estiver em dúvida sobre qual área seguir, fica muito mais fácil decidir qual carreira o seu perfil se encaixa melhor. 


Fonte: A Gazeta

Compartilhar