Confira os cursos mais concorridos no Sisu

Confira as notas de corte do Sisu por curso.

Confira os cursos mais concorridos no SisuConfira os cursos mais concorridos no Sisu

Por PRASABER

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é a principal forma de ingresso no ensino superior para estudantes brasileiros. A classificação considera a média de notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), adiado para janeiro e fevereiro de 2021. Com isso, as inscrições do Sisu devem abrir só em abril do ano que vem, mas os estudantes já estão atentos às notas de corte dos cursos mais concorridos.

A nota de corte representa a menor nota necessária para aprovação e oscila durante o processo de inscrições. Pelo sistema, o estudante consegue consultar a nota e alterar suas opções de curso durante o período de inscrições. A nota de corte final é a última, calculada quando as inscrições são encerradas. Confira as notas dos principais cursos procurados no Brasil.

Notas de corte do Sisu por curso

Para o curso de Medicina, geralmente o mais concorrido das universidades, a menor nota de corte foi observada na Universidade Federal Rural do Semi Árido (UFERSA), 769.73. A maior nota das últimas edições foi 901.5, na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Para o curso de Administração, a menor nota de corte foi do Instituto Federal de Educação e Tecnologia do Piauí (IFPI), que apresentou 570.33 na nota final. A maior nota foi 771.1 na Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto (Fearp). No curso de Direito, a menor nota de corte foi da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), 647.38 e a maior em todo o país foi 729.71, da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Para calcular a média do Enem, basta somar as notas das cinco provas, incluindo a redação, e dividir por cinco. Algumas instituições de ensino consideram a média ponderada, com pesos diferentes para cada uma das provas. Desta forma, a média é obtida pela soma das cinco notas multiplicadas pelos respectivos pesos e dividida pela soma dos pesos.

As provas impressas do Enem 2020 serão aplicadas nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021 e a versão digital nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro. O edital do Sisu deve ser divulgado no início do ano.

Compartilhar