MEC divulga que universidades federais retomaram suas atividades

As 69 instituições federais adotaram ações para driblar falta de aulas na pandemia e já começam a se planejar para retorno presencial.

MEC divulga que universidades federais retomaram suas atividadesMEC divulga que universidades federais retomaram suas atividades

Por PRASABER

O Ministério da Educação (MEC) publicou uma atualização no painel de monitoramento das instituições de ensino do país. Nele, o órgão indica que as universidades públicas de todo o país retomaram suas atividades educacionais após um período de suspensão em decorrência da pandemia de Corona vírus.

As ações criadas para que os estudantes dessas instituições não tenham a graduação impactada foram desde aulas remotas, com lives de professores em plataformas digitais, até o envio de atividades dinâmicas e hipermídia, que combinam textos com vídeos, imagens e podcasts.

Além disso, boa parte da comunidade acadêmica das universidades federais passou a disponibilizar uma rede de apoio aos estudantes, com interação virtual para tirar dúvidas e compartilhas conteúdos sobre os cursos de graduação.

Outra alternativa de manter o ano letivo sem gerar uma onda de contaminação pelo Covid-19 foram as aulas híbridas, que mesclam o presencial e a distância, para não gerar grandes aglomerações. Essa opção foi utilizada para cursos que exigem e contam com aulas práticas em sua grade curricular.

MEC afirma que experiência de aulas online foi positiva

O engajamento dos estudantes, corpo docente e das próprias universidades para realizarem aulas online surpreendeu a todos. Na Universidade Federal de Lavras (Ufla), por exemplo, foram criadas, ao todo, 1.683 salas virtuais e cerca de 10 mil alunos e mais de 700 professores acessaram a plataforma da instituição nesse período de pandemia.

Já na Universidade de São Paulo (USP) está com 90% das aulas de graduação e pós-graduação sendo realizadas remotamente e, para os estudantes que não têm acesso à internet, a instituição disponibilizou mais de 2 mil kits de internet.

A Universidade Federal de Itajubá (Unifei) já possui um plano com opções de cursos a distância. Com a suspensão das aulas presenciais, a faculdade passou a permitir que todas as graduações utilizassem a plataforma online, que alcançou um acesso de cerca de 8.500 estudantes e 500 docentes.

Retorno das aulas presenciais

O período de suspensão das aulas presenciais ainda não tem previsão de acabar, mas muitas universidades já estão planejando como retornarão com as atividades dentro das estruturas físicas.

Muitas planejam uma reabertura gradual com o ensino híbrido. Outras decidiram modificar a grade curricular de cursos para manter as aulas a distância por mais tempo. Apesar das movimentações, a previsão é de que o retorno presencial aconteça apenas em meados do primeiro semestre de 2021.

Compartilhar