Faça uma simulação com o Pravaler Icone seta
Home office: quais profissionais conseguem trabalhar de casa? Home office: quais profissionais conseguem trabalhar de casa?

Home office: quais profissionais conseguem trabalhar de casa?

Durante a pandemia da covid-19, profissionais de diversas áreas puderam trabalhar remotamente, diante das necessidades impostas pelo isolamento social. A produtividade e o empenho desses profissionais foram tantas que algumas empresas passaram a adotar o trabalho remoto de forma permanente. De repente, o que era apenas uma saída emergencial transformou-se em tendência.

Para o trabalho remoto, popularizou-se o termo home office. E a modalidade tem conquistado a atenção de muitos profissionais, que passaram a sonhar com a possibilidade de trabalharem em casa. Mas, nem todas as profissionais permitem isso.

Então, quais profissionais conseguem trabalhar de casa? É o que vamos descobrir a seguir!

O que é home office?

Home office (que, na tradução literal é escritório em casa) é o trabalho realizado a distância, geralmente na residência do profissional ou em coworking, ambientes corporativos. O trabalho pode acontecer longe da sede da empresa desde que o colaborador possua a seu dispor, de internet, telefone, ferramentas de trabalho e condições adequadas de espaço para realizar suas tarefas sem grandes imprevistos.

As empresas têm observado diversas vantagens para a adoção do home office para suas equipes. Com os colaboradores trabalhando em casa, é possível economizar com gastos de locação de sala e de compra de equipamentos.

Sem a necessidade de se locomover ao local de trabalho, os profissionais não precisam se preocupar com o trânsito, o que pode contribuir para o ganho de tempo livre e uma qualidade de vida maior. O modelo de home office também contribui para a própria sociedade, ao evitar a sobrecarga de pessoas no transporte público e menos poluição, já que temos menos profissionais tirando o carro da garagem para se locomoverem até o trabalho.

A empresa garante uma redução da taxa de ausência entre seus colaboradores e uma retenção maior de talentos – afinal, quem não valoriza a possibilidade de trabalhar em casa?

Nem todos os profissionais que trabalham como home office ficam em casa. Muitos acabam optando pelo trabalho em coworking, o que gera outra vantagem para essa modalidade de trabalho: nesses ambientes, as mesas e as salas de trabalho são compartilhadas, o que acaba contribuindo para que profissionais de diferentes empresas possam se conhecer, compartilhem ideias que possam ajudar em seus trabalhos e façam o famoso networking – relações que podem gerar ganhos profissionais.

Como trabalhar com home office?

Trabalhar com home office exige muita organização pessoal e planejamento, além de uma relação de confiança e profissionalismo com a empresa que contrata o profissional seja ele pertencente ao quadro da empresa ou freelancer.

Muitos profissionais trabalham para empresas diferentes, e precisam estar atentos para o cumprimento das tarefas com qualidade e dentro dos prazos combinados.

É preciso, antes de tudo, que o profissional tenha a certeza de que tem em mãos um bom notebook e boas condições de internet, para não perder o contato com a empresa e ter disponibilidade para reuniões remotas. O profissional também precisa saber lidar com ferramentas que hoje estão muito populares entre equipes que atuam com home office, tais como gerenciamento de tarefas e espaços virtuais de interação.

Também é preciso escolher um cômodo da casa que seja silencioso, com espaço adequado para suas ferramentas de trabalho e que esteja livre de possíveis distrações que prejudiquem o desempenho. Caso seja difícil pensar em algo assim na sua residência, espaços de coworking próximos podem ajudar.

Criar uma rotina de horários também ajuda a manter a organização do trabalho com home office. Dessa forma, o profissional evita se perder entre as tarefas e ficar sobrecarregado.

Quais profissionais podem trabalhar de home office?

Atualmente, muitas empresas estão aderindo ao home office, mas nem todos os profissionais conseguem atuar de forma remota. Profissionais de saúde e professores, por exemplo, ainda têm muitas demandas para trabalhos presenciais. Mesmo assim, o mercado para home office está se expandindo.

A seguir, apresentamos os profissionais que conseguem atuar como home office.

Profissionais da área de Tecnologia

Desenvolvedores, analistas de produto, engenheiro de software e outros profissionais da área de Tecnologia estão com o mercado aquecido para atuar em home office. É possível trabalhar com empresas do mundo todo, que estão com demandas cada vez maiores para profissionais brasileiros.

Profissionais da área de Produto

Profissionais da área de Produto também estão com o mercado aquecido para trabalhar em home office. Essa é uma área que permite em equipes multidisciplinares, o que pode ser uma vantagem já que podem receber demandas de mercados diversos que precisam de pessoas que unem todas as etapas de produção dos negócios e organizam o trabalho em equipe.

Veja também: O que é um roadmap de produto e como fazer o seu em 8 passos?

Profissionais da área de Marketing Digital

Profissionais de Marketing Digital podem trabalhar em casa e, muitas vezes, de forma autônoma, atuando para diversas empresas. Redatores, analistas de métricas, designers, analistas de SEO são algumas das funções que contam com uma variedade de demandas, que podem ser cumpridas em qualquer lugar.

Também é importante observar a variedade de empresas que demandam por esses profissionais, já que é um campo importante para definir ações e estratégias para que marcas possam se destacar no mercado – o que é uma necessidade presente em qualquer nicho.

Profissionais da área de Contabilidade

Profissionais da área de Contabilidade são essenciais para o fechamento de contratos da empresa, organização das receitas, análise de risco para novas contratações e compras da empresa. São atividades que não precisam ser realizadas nos escritórios e já existem contadores que preferem atuar em casa e de forma autônoma, com prestação de serviços para diversas organizações.

Profissionais da área de Letras

Revisores, tradutores, professores de cursos EAD são algumas das funções que podem ser exercidas por profissionais da área de Letras de forma remota. Além de editoras, escolas e outros institutos ligados ao ensino ou a produção de conhecimento, também podem precisar do trabalho de profissionais da área para lidar com a revisão ou a tradução de contratos e documentos corporativos, o que pode representar uma expansão de mercado para quem tem a formação em Letras.

Texto escrito por: PRASABER
x

As principais notícias sobre educação na sua caixa de e-mail. Cadastre-se já!

Saiba mais

Pesquisar

Artigos Relacionados

X Assine nossa newsletter