O que fazer: investir em uma outra graduação ou fazer uma pós?

A educação continuada é algo cada vez mais importante no mercado de trabalho. Fazer a graduação já é considerado o básico e, para se destacar, o trabalhador deve sempre continuar estudando, se aperfeiçoando e se especializando.

Mas assim como acontece quando você tem que escolher entre vários cursos de graduação, a educação continuada apresenta muitas opções para quem quer se aperfeiçoar. Por isso, alguns profissionais não sabem se devem investir em outra graduação ou fazer uma pós graduação, por exemplo.

Abaixo, falamos dos principais caminhos que você pode tomar quando quiser continuar seus estudos. Todos eles têm vantagens e podem servir para você, dependendo do que você ejá fez, do que está fazendo no momento e do que pretende fazer no futuro. Confira nossas dicas!

Por que fazer uma nova graduação?
Entrar em uma nova graduação vai exigir mais tempo e investimento. Elas costumam durar quatro anos, ter aulas diárias e exigir bastante comprometimento dos alunos. Ao mesmo tempo, traz a vantagem de apresentar várias áreas, ensinando vários caminhos que um mesmo profissional pode seguir. Por ser tão abrangente, a graduação pode prepará-lo para um mercado completamente novo. É recomendável fazer uma nova graduação se você estiver pensando em mudar completamente de área ou se estiver, atualmente, trabalhando em uma área diferente daquela em que você é formado. No segundo caso, fazer uma nova graduação vai fazer com que você compreenda melhor sua nova área.

Por que fazer um curso tecnólogo?
Hoje em dia, os cursos tecnólogos são uma opção para quem cogita fazer outra graduação. Eles são mais focados para o mercado de trabalho e têm uma duração menor do que as graduações comuns – duram, em média, dois anos. O tecnólogo não é focado como a pós-graduação ou a especialização, mas é menos abrangente do que a graduação. Ideal para quem tem um objetivo específico no mercado de trabalho.

Por que fazer pós-graduação?
A pós-graduação e a especialização vão servir para que você se aprofunde em algum assunto, estude mais sobre ele e se aperfeiçoe. A duração costuma ser de dois anos e, ao final, você vai apresentar uma dissertação (ou uma tese, se fizer um doutorado). A pós-graduação é um bom caminho para quem já está no mercado de trabalho e quer se especializar em alguma coisa; para quem quer estudar melhor algo que já utiliza em seu trabalho; e para quem pretende seguir uma carreira acadêmica.

Esses são três dos caminhos mais comuns para quem quer continuar estudando, mas você sempre pode fazer outra coisa. Por exemplo, muitos cursos técnicos podem ajudá-lo a conseguir um novo cargo. Cursos de extensão em universidades podem ensinar novas habilidades em poucas aulas. E cursos de língua podem abrir mais portas para os profissionais de várias áreas, já que vivemos em um mundo tão globalizado.

O mais importante é que você não deixe de estudar. Aprender deixa o cérebro ativo e faz com que ele permaneça mais jovem. E um curso a mais faz bastante diferença no mercado de trabalho!

Categoria: Dicas de Estudo

Quero receber notícias do PRAVALER

Preencha o campo abaixo com seu e-mail e fique sabendo tudo sobre o PRAVALER em primeira mão.