Faça uma simulação com o Pravaler Icone seta

Os 10 cursos mais remunerados

Conheça os cursos mais remunerados do mercado de trabalho

Várias pesquisas apontam os melhores salários do País, considerando diferentes critérios como tempo de experiência e campo de atuação.  Medicina e Engenharia estão no topo de quase todas essas listas, com salários que podem chegar a R$ 60 mil.
Vale lembrar que os indicadores servem apenas como um termômetro das profissões, mostrando as áreas de atuação mais aquecidas no contexto atual. O retorno financeiro real de uma carreira depende de variáveis como a formação e aptidão do profissional, a região de atuação, o tempo de trabalho e, principalmente, a demanda do mercado por aquele tipo de profissional.

Conheça os cursos mais remunerados e mais valorizados no mercado!

Os 10 cursos mais remunerados

Confira o ranking dos 10 cursos superiores mais bem remunerados

  1. Medicina
  2. Setor Militar e de Defesa
  3. Engenharia de Transportes
  4. Engenharia Química
  5. Engenharia Civil
  6. Engenharia Mecânica e Metalúrgica
  7. Odontologia
  8. Engenharia (outros)
  9. Engenharia Elétrica e Automação
  10. Estatística

 

1. Medicina

Média Salarial: R$ 8,4 mil

Profissionais com graduação em Medicina, um dos cursos mais concorridos nas Universidades, têm a maior média salarial do país, de R$ 8,4 mil. Esta média considera desde a remuneração no início da carreira até o salário de cargos que exigem bastante experiência. O salário médio de um cirurgião plástico, por exemplo, é de R$ 18,5 mil. Já um Diretor de Hospital pode ganhar até R$ 50 mil, se tornando assim um dos cursos mais remunerados.

 

2. Setor Militar e de Defesa

Média Salarial: R$ 7,6 mil

Há escolas militares especializadas na formação acadêmica. Ao mesmo tempo em que ensinam rotinas de um oficial, elas preparam engenheiros, aviadores, administradores, especialistas em ciências náuticas e militares. Os cursos têm status de graduação e duram entre três e cinco anos. Um General de Exército tem remuneração média de R$ 9 mil, e um Primeiro-Sargento ganha cerca de R$ 3,5 mil.

 

3. Engenharia de Transportes

Média Salarial: R$ 6 mil

Instituições de ensino superior do Estado de São Paulo e do Rio Grande do Sul são as que oferecem a melhor viabilidade e cobertura de estudos nesta área. A Engenharia de Transportes tem foco em logística e infraestrutura. Um profissional com curso superior completo ganha de R$ 9 mil a R$ 12 mil em São Paulo.

 

4. Engenharia Química

Média Salarial: R$ 5,8 mil

Os salários nesta área estão em rápida ascensão. A exploração de petróleo na camada pré-sal, por exemplo, aqueceu o mercado para estes profissionais. Um Diretor-geral de Operadora de Óleo e Gás pode ganhar até R$ 60 mil. O salário inicial de um Engenheiro de Petróleo na Petrobras é de cerca de R$ 7,4 mil. Engenheiros Químicos recém-formados ganham entre R$ 3,5 a R$ 6 mil.

 

5. Engenharia Civil

Média Salarial: R$ 5,7 mil

De acordo com pesquisa da Federação Nacional dos Engenheiros, até 2015 o Brasil vai precisar de mais 300 mil engenheiros e, entre os mais procurados, está o Engenheiro Civil. Um Engenheiro de Obras tem salário médio de R$ 7,9 mil. Já um Diretor de Negócios de Obras de Infraestrutura pode ganhar até R$ 45 mil.

 

6. Engenharia Mecânica e Metalúrgica

Média Salarial: R$ 5,5 mil

Existem mais de 200 faculdades que oferecem este curso no País. Um Engenheiro Mecânico em início de carreira ganha, em média R$ 6 mil. O salário de um Diretor de Engenharia Mecânica alcança R$ 20 mil e as pesquisas apontam que este profissional pode ganhar cerca de R$ 35 mil no auge da carreira, depois de 10 a 15 anos de experiência.

 

7. Odontologia

Média Salarial: R$ 5,3 mil

No Brasil, estima-se que existem cerca de 220 mil dentistas. Desse total, quase 75 mil estão no estado de São Paulo. A maioria dos dentistas brasileiros opta por ter consultório próprio, de acordo com o Conselho Federal de Odontologia.  A média salarial nacional para um Ortodontista em início de carreira é R$ 2,5 mil. Já a do Cirurgião Dentista é R$ 3,2 mil.

 

8. Engenharia (outros)

Média Salarial: R$ 5,2 mil

A Engenharia do Meio Ambiente, Engenharia de Petróleo e Gás, Engenharia de Produção e Engenharia Hospitalar estão entre as áreas mais valorizadas. Um Engenheiro Ambiental tem remuneração de R$ 7,3 mil, e o salário de um Engenheiro de Petróleo chega a R$ 13 mil, considerando a média nacional.

 

9. Engenharia Elétrica e de Automação

Média Salarial: R$ 4,8 mil

Os ganhos iniciais nesta área estão em torno de R$ 3 mil. Com acúmulo de experiência, os salários podem chegar a R$ 20 mil. A média salarial nacional de um Engenheiro de Automação é de R$ 7 mil, enquanto um Engenheiro de Telecomunicações ganha em torno de R$ 5,6 mil.

 

10. Estatística

Média Salarial: R$ 4,7 mil

No ranking geral das melhores carreiras, o ramo de Estatística ocupa a sexta posição. Este profissional é responsável por informações essenciais ao crescimento dos negócios. O profissional de Estatística atua em diversas áreas como mercado financeiro, pesquisas clínicas e de mercado. O salário inicial médio é de R$ 3 mil e pode chegar a R$ 16 mil.

*Fontes: Catho/IPEA/Exame.com

 

Ficou interessado em fazer algum curso da lista dos mais bem remunerados? Conte para a gente nos comentários!

Texto escrito por: PRAVALER
Categoria: Cursos
x

As principais notícias sobre educação na sua caixa de e-mail. Cadastre-se já!

Saiba mais

Pesquisar

Artigos Relacionados

Pensamos na sua privacidade

Usamos cookies para que sua experiência seja melhor. Ao continuar navegando, você está ciente dos nossos Termos e Políticas.

CONTINUAR