Redação para Concursos Públicos Redação para Concursos Públicos

Redação para Concursos Públicos

A redação para um Concurso Público assusta muitos candidatos. Mas calma… respira fundo e continue com a gente para ficar por dentro desse assunto. A banca é exigente e existem muitos critérios que são analisados separadamente pelos corretores, como estrutura do parágrafo, coesão, organicidade etc.

A boa notícia é que a maioria dos critérios que os corretores procuram são simples e fáceis de serem bem avaliados na prova, desde que você os conheça. É preciso muita leitura e muito treino, mas é possível, seguindo algumas dicas e técnicas de redação para concurso, escrever aquele texto nota 10. Vamos te ajudar com isso!

Redação para Concurso Público

Nos últimos concursos abertos, a redação tem feito diferença na nota final dos candidatos e, muitas vezes, tem sido critério decisivo para classificação. Então, saiba que a produção textual deve ser estudada e treinada ao longo dos seus estudos até o dia da prova final.

Existem técnicas para escrever uma boa redação? Sim, existem! Uma delas é escrever no papel tudo que vem à sua mente. Escreva todas as palavras no papel de rascunho do jeito que você pensou. Não se preocupe com a estética da frase, nem com a argumentação, apenas escreva para não perder as ideias. Você irá organizar tudo em um segundo momento.

Para começar a estudar as melhores técnicas para uma boa redação, é fundamental e mais produtivo estudar após um certo tempo de dedicação às disciplinas, como por exemplo “Atualidades”. Quem tem conhecimento do assunto naturalmente se sente confortável para escrever. Depois, basta se preocupar com a estrutura do texto e partir para o abraço!

Para quem tem dificuldade em se concentrar sozinho ou quer um empurrãozinho a mais para estudar, existem alguns cursos preparatórios com professores de português que podem te ajudar a estudar redação e se dar bem no concurso.

Concursos Públicos mais procurados

Confira abaixo a lista com os concursos mais procurados que possuem redação na avaliação.

  • Depen (Departamento Penitenciário Nacional);
  • Detran (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo);
  • Ministério do Trabalho;
  • Polícia Civil;
  • Polícia Federal;
  • Receita Federal;
  • Secretaria da Fazenda;
  • Tribunal de Justiça.

Vamos conhecer um pouco mais de cada um!

Concurso DEPEN

Para se preparar para o concurso do Depen é necessário estudar Língua Portuguesa, Atualidades, Noções de Ética no Serviço Público, Noções de Direitos Humanos e Participação Social, Conhecimentos Complementares (Execução Penal) e Conhecimentos Específicos. Aposte em exercícios de fixação com gabaritos e em conteúdos de acordo com o último edital.

Uma das etapas principais do concurso é a redação, em que o conteúdo é analisado com cuidado e deve ter argumentos e exemplos inovadores sobre o tema. Fique ligado para não se pautar em ideias clichês ou do senso comum e não se basear apenas nas ideias do texto principal. O tema provavelmente é relacionado a um assunto do mundo contemporâneo divulgado nos meios de comunicação. Portanto, leia matérias e notícias divulgadas pelas principais fontes da mídia.

Concurso DETRAN

O concurso aplica provas objetivas de conhecimentos gerais e conhecimentos específicos + a redação. Nesta, é cobrado um texto em formato dissertativo a partir de uma proposta única, sobre um assunto de interesse geral (atualidades). O candidato deve desenvolver a redação obedecendo o limite de 20 linhas no mínimo e máximo de 30.

A redação é sempre um fator determinante na classificação de um concurso público, não basta gabaritar as questões. Por isso, é importante incluir a redação como matéria a ser estudada e dedicar um tempo para ela. Neste caso, o treino é o melhor caminho! Faça com temas relevantes e de preferência com aqueles que já foram aplicados pela banca organizadora, assim a chance de compreender os mecanismos utilizados por ela e ter um melhor aproveitamento na hora da prova é maior.

Concurso Ministério Do Trabalho

Para esse concurso, é importante estudar disciplinas como Direito Administrativo, Língua Portuguesa, Informática, Administração Financeira e Orçamentária e os conceitos fundamentais sobre arquivologia.

Quanto à redação, o candidato deverá fazer um texto dissertativo com um estudo de caso, diferentemente das redações dos vestibulares que são sempre argumentativas. Nesta redação, será sobre um conteúdo específico do edital (pode ser sobre direito administrativo, administração financeira etc). Para quem não tem familiaridade com esse tipo de escrita, a dica é procurar um curso teórico de redação dissertativa — estudo de caso e treinar redação toda semana e, se possível, com a avaliação de um profissional.

Concurso da Polícia Civil

Os concursos de Polícia Civil acontecem periodicamente em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal. É preciso ficar atento às datas de publicação do edital – caso você perca o prazo, pode ficar vários anos à espera do próximo.

Para passar nas provas do concurso da Polícia Civil é preciso muita preparação, física e intelectual, além de bastante paciência! O modelo de seleção varia de acordo com o estado, mas normalmente segue um fluxo longo, composto por várias etapas.

Normalmente é composta de provas objetivas de conhecimentos gerais e específicos para todas as carreiras (eliminatória). Quem passar segue para a próxima etapa, mais específica, composta de prova discursiva de conhecimentos específicos para delegados e prova de redação para as demais carreiras.

A prova discursiva tem um valor de 30 pontos e deve apresentar um texto dissertativo, de até 30 linhas, a respeito de temas da atualidade. Fique atento! Candidatos que tiverem uma nota inferior a 18 pontos na redação serão automaticamente eliminados do concurso.

Concurso para Polícia Federal

Além das questões de diferentes disciplinas, esse é mais um concurso em que a redação selecionará os melhores candidatos. Quanto ao tema, é importante estar preparado para escrever sobre as atualidades ligadas a Segurança Nacional, Política Nacional e projetos da própria Polícia Federal.

Vale lembrar da importância de chegar em um concurso público sem a prática de parágrafos e textos argumentativos, no espaço proposto de 30 linhas. Como a prova tem duração de 5 horas, aqui a dica é já ter a folha oficial de redação e, diariamente, escrever já tendo a noção do tempo gasto para a produção do conteúdo.

É importante cronometrar a produção do texto. Em um ambiente de estudo, faça um mapa com possíveis temas ligados ao Direito Penal, Constitucional, Geopolítica, Segurança Pública e Leis Polêmicas. Além disso, escrever com embasamento científico e se preocupar com as normas gramaticais irá ajudar a ter sucesso.

Concurso da Receita Federal

Nem todos os anos a redação é conteúdo obrigatório do concurso da Receita Federal. Porém, é bom estar sempre pronto para encarar a prova discursiva que é ponto referencial e critério de desempate entre candidatos em concursos públicos.

Para arrasar na redação é preciso seguir algumas orientações básicas como: entender o tema proposto, fazer um rascunho antes, atentar-se as regras da língua portuguesa e não usar gírias, respeitar a estrutura do texto, ser objetivo e revisar quando finalizar.

Secretaria Da Fazenda

O concurso da Secretaria da Fazenda é dividido em duas etapas, sendo a primeira composta por uma prova objetiva e a segunda por uma prova discursiva.

A segunda etapa consistirá em uma redação de caráter eliminatório e classificatório realizada na mesma data da primeira etapa. São convocados para realizar a redação os candidatos aprovados na prova de múltipla escolha e selecionados em ordem decrescente de pontos obtidos, até 15 vezes o número de vagas ofertadas para cada cargo.

Tribunal De Justiça

Entre os benefícios ofertados neste concurso estão o auxílio-alimentação, convênio médico e serviço odontológico. A grande vantagem na preparação é que existe uma significativa coincidência das disciplinas cobradas em todos os concursos, o que permite que o estudo de um sirva para diversos editais, mesmo de diferentes tribunais.

A proposta da redação possui uma característica própria, pois apresenta um pequeno texto sobre o assunto, na sequência indica o tema central e, por fim, lista os aspectos sobre os quais o candidato deve discorrer. Vale destacar que a pontuação é subdivida entre os aspectos, portanto, é essencial tratá-los de forma objetiva e consistente para alcançar uma boa pontuação.

Para se preparar a respeito do tema, inicie o estudo sobre atualidades, pesquise e anote informações a respeito dos principais fatos do ano tanto relativos ao estado do órgão quanto do país.

Possíveis temas de redação para concursos públicos

  • Saneamento básico;
  • Violência urbana;
  • Conflitos migratórios no Brasil;
  • Urbanização e Mobilidade urbana;
  • Ética na sociedade contemporânea;
  • Mudanças no mundo do trabalho;
  • Uso da tecnologia;
  • Índios;
  • Racismos;
  • Educação no Brasil.

Acreditar na sua força e competência é o primeiro passo para um caminho de sucesso! Seja firme e confiante, busque uma preparação completa. Para te ajudar, confira no nosso blog mais assuntos sobre esse tema.

Quero receber notícias do Pravaler

Preencha o campo abaixo com seu e-mail e fique sabendo tudo sobre o Pravaler em primeira mão.