Saiba mais sobre o curso de Engenharia Mecânica

O estudante que deseja entrar em um curso de cunho tecnológico tem diversas possibilidades. Caso escolha a vasta área das engenharias, ainda deve escolher alguma em específico. Uma que está inserida entre as mais tradicionais é a Engenharia Mecânica.
O estudante que deseja ingressar no curso de Engenharia Mecânica geralmente possui raciocínio rápido, criatividade, facilidade com matemática, com física, autodidatismo, dedicação e grande curiosidade. Naturalmente, essas características não são obrigatórias, mas são recorrentes.
Vejamos um pouco mais sobre este curso e as oportunidades de trabalho associadas!
O curso de Engenharia Mecânica
Durante os aproximadamente cinco anos do curso de Engenharia Mecânica, o estudante estudará ciências exatas, administração, projeto de sistemas mecânicos, energia, fenômenos de transporte e legislação relacionada. É comum também as universidades possuírem disciplinas obrigatórias sobre meio ambiente e tratamento de resíduos.
Após os semestres iniciais, o aluno já pode escolher algum projeto de iniciação científica para aprofundar seus estudos e se relacionar mais com algum laboratório ou realizar um estágio não-obrigatório, já visualizando como é o mercado de trabalho.
O curso apresenta ao aluno conhecimento ligado à energia e suas diferentes formas. Parece complicado falar dessa maneira, mas se torna simples quando associamos ao movimento (como em mecanismos de qualquer forma), vibração, acústica, fluídos e energia térmica (calor, por exemplo).
Esse conhecimento está agregado em três áreas:
Fabricação: relaciona os processos de criação de peças a partir de diferentes materiais, mas com metal em especial. Envolve inclusive o estudos dos próprios materiais. Um exemplo disso á sustentação de pontes a partir de um determinado comprimento e também de prédios.
Projeto de sistemas mecânicos: criação de mecanismos e o controle destes. Nesta área, a Engenharia Mecânica pode se relacionar com outras engenharias para a automatização de sistemas.
Projeto fluído-térmicos: projeto de sistemas que utilizam o calor e fluídos em diferentes estados. São exemplos: turbinas, motores, ar-condicionados, etc.
A Engenharia Mecânica ainda trabalha com a confiabilidade desses sistemas na disciplina de metrologia, garantindo que tudo o que for projetados atenda o nível de confiança desejado.
Sobre os possibilidades de ingresso, as cinco melhores faculdades, segundo o RUF (Ranking Universitário da Folha) são USP, UFSC, UNICAMP, UFMG e UFRJ. Dentre as 10 mais, ainda existem duas faculdades particulares: a FEI (sétimo lugar) e a PUC-RIO (décimo).
Os fatores levados em consideração para elaboração dessa lista foram avaliação do mercado, qualidade do ensino, ENADE, professores com dedicação integral/parcial e avaliadores do MEC.
Piso salarial e áreas de atuação da Engenharia Mecânica
Segundo o CREA, órgão regulador do profissional formado em Engenharia Mecânica, o piso salarial está relacionado ao número de horas trabalhadas por dia e ao salário mínimo.
6h diárias – 6 salários mínimos = R$ 5280
7h diárias – 7,25 salários mínimos = R$ 6380
8h diárias – 8,5 salários mínimos = R$ 7480
O local de trabalho do engenheiro mecânico é em grandes polos industriais e tecnológicos, como São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, nas áreas de automobilística, aeronáutica, climatização, petroquímica, metalurgia e até mesmo administrativa.
Outro caminho possível para profissionais recém-formados é o de consultor. Nesse caso, a empresa que recepciona o estudante na qualidade de trainee apresenta diversas unidades espalhadas pelo país para que o futuro profissional conheça todas as suas características. Em especial, quando o profissional atua na área administrativa, este não usará os conhecimentos técnicos, mas sim a capacidade de raciocínio, síntese e análise obtidas durante a graduação em Engenharia Mecânica.
Além do campo industrial, o engenheiro mecânico formado pode ingressar em programas de mestrado e seguir a carreira acadêmica. Títulos de mestre e doutor em Engenharia Mecânica também são bem vistos pelas empresas.
A Engenharia Mecânica ainda permite a realização de concursos públicos para prefeituras, empresas de saneamento e estatais, como a Vale do Rio Doce e a Petrobrás. Nessa função, o engenheiro mecânico realizará desde orçamentos até o desenvolvimento de novos produtos e ferramentas.
Agora que você conhece melhor o curso de Engenharia Mecânica, pode considerar esta possibilidade para o seu futuro profissional!
Continue acessando nosso blog para saber mais sobre estudos, profissões e finanças.

Categoria: Cursos

Quero receber notícias do Pravaler

Preencha o campo abaixo com seu e-mail e fique sabendo tudo sobre o Pravaler em primeira mão.