5 dicas para contratar um financiamento privado de forma segura

Por PRAVALER

5 dicas para contratar um financiamento privado de forma segura

O Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) é uma das formas mais populares de financiamento privado para estudantes no Brasil. Milhares já finalizaram seus cursos de graduação graças aos recursos disponibilizados por instituições bancárias. É uma forma viável para os dois lados: para os estudantes, que ganham fôlego extra durante um período em que não possuem qualificação para obterem bons salários, e para as instituições bancárias, que garantem operações financeiras para recebimentos futuros.

No entanto, novas regras entraram em vigor no fim de 2014, dificultando a vida de quem pretende obter um financiamento privado para custear os estudos de graduação. Para que não se comece a vida profissional com muitas dívidas, é preciso tomar cuidado com os empréstimos estudantis. Vamos ver neste post algumas dicas para se contratar um financiamento privado de maneira segura.

1 – Veja todas as alternativas que você possui

Comparativamente, o crédito estudantil é a melhor forma de financiamento privado para as despesas com mensalidades no período da faculdade, pois possui taxas de juros extremamente competitivas se comparadas às normais do mercado. Os empréstimos bancários tradicionais ou mesmo o cheque especial são alternativas caríssimas, que farão com que o estudante se enterre em dívidas e talvez nem consiga finalizar a graduação, não alcançando a profissão desejada e ficando com a dívida pelo período estudado. Se for o caso, busque junto à própria instituição de ensino alternativas para financiamento.

2 – Busque convênios próprios entre a instituição superior e instituições bancárias

Algumas instituições, para viabilizar mais matrículas e facilitar a vida dos estudantes, assinam acordos com instituições bancárias para oferecerem créditos mais baratos e facilitados aos seus estudantes. No entanto, algumas garantias serão necessárias para a obtenção desta forma de financiamento privado: um fiador ou com um bem de alto valor, como um imóvel ou veículo sem restrições de venda. Considerando as dificuldades atuais para a obtenção de financiamento privado no ensino, pode ser uma boa alternativa.

3 – Conheça o crédito universitário PRAVALER

Este financiamento permite ao estudante facilidade e segurança para o pagamento das mensalidades. Neste caso, até as mensalidades que estão em atraso podem ser integradas ao valor financiado. Os cursos de graduação devem ser na modalidade presencial e podem ser contratados a qualquer momento, sem a necessidade de o aluno estar matriculado. A resposta sobre o financiamento sai em até três dias úteis.

Esta modalidade não possui a necessidade de comprovação de necessidade de recursos financeiros, além de possuir todos os procedimentos gerenciáveis via internet, como simulação, contratação e recontratação. Com a contratação efetivada, as mensalidades podem ser pagas de maneira adiantada e os alunos podem conseguir descontos.

4 – Pense no longo prazo, pois nada é garantido

Há alguma alternativa que não seja o endividamento? Se a resposta for sim, opte por ela. Acabe com despesas supérfluas, tente um aumento salarial se você já trabalhar e, caso os seus pais paguem as mensalidades, verifique se eles têm condições de arcar com as despesas durante todo o período de estudos sem a necessidade de um financiamento privado. Mesmo que, muitas vezes, as faculdades apenas exijam o pagamento dos empréstimos após o término da graduação, isso não será garantia de bons salários e promoções, muito menos de emprego.

5 – Instituições financeiras podem ser uma alternativa viável

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban), juntamente com instituições de ensino e instituições financeiras diversas, está unindo forças para viabilizar novas formas de financiamento privado dos cursos de graduação, apresentando-se como alternativa viável a algumas portas que se fecharam por causa do aperto das regras do FIES.

O importante é que, ao se buscar uma fonte de financiamento privado para o seu curso de graduação, você faça uma vasta pesquisa e verifique todas as alternativas disponíveis no mercado. Desde as mais convencionais até as menos, o importante é que não prejudique no presente e nem o futuro profissional.

Está pensando em obter um financiamento privado para ajudar a custear o seu curso de graduação? Deixe um comentário sobre as suas experiências!

Compartilhar
Categoria: Economia

Quero receber notícias do PRAVALER

Preencha o campo abaixo com seu e-mail e fique sabendo tudo sobre o PRAVALER em primeira mão.