Faça uma simulação com o Pravaler Icone seta
Bolsa de estudos para EAD (Educação a Distância) Bolsa de estudos para EAD (Educação a Distância)

Bolsa de estudos para EAD (Educação a Distância)

Conquistar uma bolsa de estudos está ao alcance de muitos candidatos. Existe cada vez mais oportunidades abertas para os estudantes que desejam cursar uma faculdade pública ou privada, seja presencial ou a distância.

Um dos maiores benefícios da bolsa de estudos é possibilitar a educação para todo mundo. Os benefícios são reconhecidos por quem preenche os requisitos socioeconômicos e acadêmicos, as bolsas menores podem ser de 5% a 10%, enquanto as maiores chegam até 100%, sendo totalmente gratuito. Nesse post iremos falar sobre como conquistar uma bolsa de estudos para EAD.

Diferença entre educação a distância e presencial

Uma das principais diferenças de um curso presencial e um curso de ensino a distância (EAD) é a flexibilidade nos horários. Enquanto um curso presencial exige do aluno uma presença fixa de horários durante a semana, um curso EAD te possibilita assistir às aulas no horário que preferir.

Um fator importante também é a economia financeira, sendo que os cursos de ensino a distância costumam ter um preço mais acessível do que os cursos presenciais, contanto também na economia do transporte até a instituição de ensino.

Se o candidato optar por um curso a distância, deverá comparecer a um polo presencial da instituição com pouca frequência. O MEC estabelece que as avaliações dos cursos EAD sejam realizadas presencialmente.

Tipos de bolsa de estudos para EAD

Bolsa de estudos para graduação

O processo para bolsas de estudos na primeira graduação pode ser tanto pelos programas do governo ou pelas próprias instituições de ensino privadas.

A entrada de bolsista mais comum é feita pelo programa Prouni, onde o candidato deve ter realizado o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) e atender os requisitos para bolsas integrais ou parciais na instituição de ensino privada escolhida.

Bolsa de estudos para pós-graduação

Algumas faculdades e fundações externas oferecem bolsas por mérito acadêmico, mas algumas instituições ainda têm bolsas por necessidade financeira, geralmente as fundações têm seu processo seletivo próprio. As bolsas parciais são mais comuns e são oferecidas geralmente pelo desempenho do aluno durante o curso na instituição.

Bolsa de estudos para segunda graduação

Para uma segunda graduação é possível conseguir uma bolsa de estudos se candidatando a programas do governo, como Prouni e Sisu. Lembrando que o candidato deve ter realizado o Enem para concorrer em programas do governo federal ou prestar o vestibular de instituições públicas.

Algumas instituições de ensino privadas oferecem condições especiais para uma segunda graduação, que pode variar de bolsas integrais ou parciais. Neste caso, o candidato deve comparecer na instituição de ensino privada escolhida para se informar melhor.

Diferença entre bolsa integral e parcial

  • Bolsa integral: A bolsa de estudo integral é custeada 100% pela instituição ou programa do governo, sendo que o aluno não paga nada para estudar durante o curso todo.
  • Bolsa parcial: A bolsa de estudo parcial pode variar da instituição de ensino ou do seu desempenho. Nesta situação, a universidade ou programa pode pagar uma parte dos estudos e a outra parte fica de responsabilidade do estudante.

Quem pode conseguir uma bolsa de estudos para EAD?

Hoje em dia, ficou mais fácil para conseguir uma bolsa de estudos para entrar em uma instituição de ensino superior, mas para isso é preciso atender alguns requisitos. Confira quem pode participar do programa de bolsas de estudo:

Educação a distância para idosos

A educação a distância oferece novas possibilidades direcionadas para os idosos também! Segundo o Ministério da Educação (MEC), houve uma elevação de 40% de pessoas da terceira idade cursando o ensino superior nos últimos anos. Um dos motivos para este crescimento foi a realização de cursos a distância.

As formas de ingressão podem ser tanto pelo Enem utilizando a nota nos programas do governo, como procurar diretamente uma instituição de ensino privada para realizar o vestibular para o curso escolhido.

Educação a distância para pessoas em unidades prisionais

Existe a possibilidade de pessoas privadas de liberdade e jovens sob medida socioeducativa cursarem um curso a distância através de programas do governo. Um desses programas é o Enem PPL (Pessoas Privadas de Liberdade) que é ofertado para quem está cumprindo uma punição e está privado de liberdade.

O Enem PPL avalia o desempenho do candidato que concluiu o ensino médio, permitindo o acesso ao ensino superior a distância por meio de programas como Sisu, Prouni e Fies. A aplicação do exame é realizada dentro das unidades prisionais e socioeducativas selecionadas pelos órgãos de administração prisional de cada unidade.

O interessado em realizar o Enem PPL deve solicitar sua inscrição ao responsável pedagógico da sua unidade, desde que tenha assinado um acordo com o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas).

Bolsa de estudo depois de matriculados

Muitas vezes a questão financeira pode se tornar um grande empecilho para conseguir terminar um curso e para isso, existe algumas maneiras de conseguir uma bolsa de estudo ou descontos na mensalidade durante o curso.

O estudante pode optar por uma carta de requerimento, expondo as dificuldades de arcar integralmente com os custos do curso. A faculdade realizará uma avaliação com base nas informações do estudante que impossibilitam o pagamento total do curso e no final ela poderá ou não conceder um desconto no curso.

Existe também a possiblidade de estudantes que já estão inseridos no mercado de trabalho e precisam de uma força para pagar a faculdade, buscarem um convênio da organização com a instituição financeira. Esses programas têm se tornado mais comuns, garantindo bons descontos em cursos de graduação.

Programas especiais pela empresa

Algumas empresas contam com programas de qualificação de seus funcionários oferecendo bolsas, descontos, entre outros benefícios, dependendo do acordo estabelecido com a empresa.

O ideal é procurar a área de Recursos Humanos e entender se a organização tem um convênio com alguma universidade que oferece bolsa de estudos para EAD, ou até mesmo para cursos presenciais, para melhorar seu currículo e crescer profissionalmente dentro da empresa.

Como conseguir uma bolsa de estudo?

Há diversas formas de conseguir uma bolsa de estudo, com diferentes requisitos e modalidades que são estabelecidas pelos programas ou pelas faculdades. Confira alguma das opções abaixo para conseguir uma bolsa de estudo:

Com a nota do Enem

Uma das primeiras oportunidades de bolsa, é utilizando a sua nota do Enem, afinal com o resultado da prova é possível concorrer aos programas do governo, garantindo uma bolsa de estudo em faculdades públicas, privadas, sendo bolsas integrais ou parciais. Confira as dicas para você usar a sua nota do Enem.

Com o Prouni

O Programa Universidade para Todos (Prouni) é uma iniciativa do governo federal que oferece bolsas integrais e parciais para alunos que ainda não possuem um diploma de nível superior e não possuem condições financeiras para pagar um curso em uma faculdade particular.

Para conseguir uma bolsa pelo Prouni é preciso ter realizado o Enem e apresentar um desempenho mínimo de 450 pontos na média das provas e não ter zerado a redação. O candidato também deve atender a critérios de renda familiar de até três salários mínimos por pessoa na família e se enquadrar em algumas das situações:

  • Ter realizado o ensino médio na rede pública ou em um colégio particular na condição de bolsista integral.
  • Ser professor da rede pública concorrendo a uma bolsa em um curso de licenciatura (não é necessário comprovar renda nesse caso)

As inscrições para o Prouni acontecem duas vezes ao ano, sendo no primeiro e no segundo semestre. Há vagas para as faculdades particulares de todas regiões brasileiras e quanto maior o desempenho do candidato no Enem, maiores serão as chances de conseguir uma bolsa de estudos. Veja aqui como funciona o Prouni!

Com desconto

Algumas instituições de ensino superior oferecem bolsas de estudo de acordo com o desempenho do candidato no vestibular da própria instituição. Os descontos podem variar, sendo uma bolsa parcial ou integral. Algumas faculdades também oferecem a possiblidade de isenção de um semestre ou de algumas mensalidades.

A dica é: o candidato deve comparecer presencialmente na instituição de ensino privada e conferir se há a possiblidade de bolsa de estudo para EAD ou cursos presenciais.

Com o Amigo Edu

O Amigo Edu é uma plataforma de bolsa de estudos que tem a finalidade de oferecer ao estudante condições e benefícios para ingresso e permanência em instituições de ensino superior e profissionalizante. No site do Amigo Edu você encontra bolsa de estudos para cursos de graduação, pós-graduação e cursos livres com até 80% de desconto. Além disso, é possível conseguir bolsa para todas as modalidades de ensino: presencial, semipresencial e EAD.

Bolsas de estudo Amigo Edu

Existe diferença no diploma de um ensino a distância?

Não há diferença nos diplomas emitidos pelos cursos presenciais ou a distância, que também é reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC). Sendo assim, ambos diplomas têm a mesma validade para comprovação da formação.

Além disso, no diploma não consta as informações de bolsa de estudos e sobre qual foi a modalidade do curso escolhido. O diploma tem validade igualmente em todo território nacional.

Agora que você já sabe tudo sobre como conseguir uma bolsa de estudos para EAD, que tal conferir os cursos a distância que o Pravaler oferece? O Pravaler é uma empresa de crédito estudantil que tem como objetivo facilitar a forma de pagamento para você estudar e tornar o sonho do ensino superior realidade!

Botão Simule seu Financiamento estudantil

Texto escrito por: PRAVALER
x

As principais notícias sobre educação na sua caixa de e-mail. Cadastre-se já!

Saiba mais

Pesquisar

Artigos Relacionados

X Assine nossa newsletter