Faça uma simulação com o Pravaler Icone seta
Como escolher uma especialização profissional? Como escolher uma especialização profissional?

Como escolher uma especialização profissional?

O curso de especialização certo, planejado corretamente para atender ao seu objetivo profissional, feito no momento certo e na instituição certa, com certeza vai trazer sucesso para a sua carreira, certo? Ah! Se fosse assim tudo tão certo!

E as dúvidas que aparecem na hora de escolher essa especialização? Será que é esse o caminho? A instituição é confiável? Vou conseguir pagar? São inúmeras as questões a serem respondidas na hora da escolha da especialização profissional. Para auxiliar nas respostas, damos aqui algumas dicas legais, com tópicos que podem ser seguidos para que você escolha bem sua especialização. Vamos lá!

Como escolher um curso de especialização profissional?

Tudo depende do seu objetivo. É que existem tantas opções disponíveis no mercado que o risco de você escolher uma Especialização Profissional errada, perder tempo, dinheiro ou foco e se afastar da área em que você atua ou pretende atuar é grande.

Para quem pretende trabalhar no meio acadêmico fazer mestrado e doutorado é mais indicado. Mas para o mercado de trabalho, uma Especialização ou MBA são bem melhores e podem render melhores salários no futuro. Os empregadores dão mais valor para o profissional que tem uma base de conhecimento sobre diversas áreas, mas que conta com uma competência especializada em determinado campo.

Quando fazer especialização profissional?

Além das questões profissionais, que são bem importantes, o seu momento pessoal e financeiro devem ser levados em consideração. Especialistas afirmam que um MBA não deve ser feito logo após a graduação e que os conhecimentos adquiridos na universidade devem ser aplicados no mercado de trabalho.

Além disso, a experiência no trabalho pode ser levada em consideração na hora de escolher a especialização profissional mais adequada, o que a torna bem mais interessante e produtiva. As condições pessoais, geográficas e financeiras são tão importantes quanto a profissional. Afinal, além de caber no bolso, uma especialização não deve ser interrompida por eventos previamente programados, como o nascimento de filho, casamento ou uma viagem longa.

Tipos de especialização

Para escolher o curso de especialização certa, é preciso buscar informações e até conversar com outros profissionais que já cursaram especializações nas áreas de seu interesse. A dúvida e a insegurança fazem parte do processo, pois esse caminho é um passo importante para a sua carreira profissional.

Pós-graduação lato sensu

Os cursos de pós-graduação lato sensu são de formação continuada e aprofundam os conhecimentos da área de formação. Atendem às necessidades do mercado de trabalho corporativo. A duração mínima é de 360 horas e a exigência para esses cursos é o diploma do curso superior, mas algumas instituições de ensino adotam também análise de currículo e/ou entrevista.

Existem também os cursos de pós-graduação à distância, que, em geral, são oferecidos por instituições bem conceituadas, mas com um preço bem mais acessível que os cursos presenciais. O estudo se dá por meio virtual e conta com tutores que ficam à disposição para tirar dúvidas dos alunos.

Para quem pretende ocupar um cargo de comando numa empresa, fazer um MBA pode ser a melhor escolha. MBA vem do inglês Master in Business Administration. É uma especialização na área gerencial, ideal para empreendedores.

Pós-graduação strictu sensu

Já os cursos de mestrado e doutorado acadêmicos são stricto sensu e são indicados para quem deseja seguir carreira de pesquisador ou docente. A duração mínima é de 360 horas e também exige diploma de curso superior, além de análise do projeto de pesquisa que o aluno pretende seguir durante o curso. Nesses cursos, adquire-se conhecimentos e fundamentação teórica para atuar como professor universitário.

Outra opção bem interessante é o mestrado profissional, que é uma pós-graduação stricto sensu que não se restringe à universidade, podendo o aluno se beneficiar do curso para atuar no ambiente corporativo.

Especialização pode ser de uma área diferente da graduação?

Legalmente, sim. Cada instituição de ensino determina as exigências para o curso, portanto, nada impede que você faça uma especialização profissional totalmente diferente da sua graduação. Devemos lembrar que o curso de especialização faz com que você atue na sua área da graduação com mais competência.

Então, se a especialização em outra área for interessante para lhe atribuir habilidades para você ter um diferencial na sua profissão, vale a pena cursá-la. Mas se você pretende mudar radicalmente a sua área de atuação, você deve fazer uma nova graduação.

Escolher uma boa especialização é tão complicado quanto escolher a graduação, mas há que se levar em conta que nessa fase da vida, você já deve ter mais experiência e conhece o mercado em que atua ou pretende atuar. Portanto, pesquisa e paciência são importantes na hora da escolha.

Dicas para escolher a melhor especialização profissional

Determine os seus objetivos profissionais

Saber aonde se deseja chegar é fundamental para a escolha do caminho a se tomar. Assim, é importante que o profissional entenda a pós-graduação como uma etapa para atingir uma meta pré-definida. Isso porque cada curso apresenta objetivos e metodologias específicas, de forma que esta escolha deve ser ponderada levando em consideração as metas e os sonhos que o profissional deseja atingir em sua carreira.

O mais importante aqui é ter foco: o que você deseja atingir com a pós-graduação? Que atividade deseja realizar após sua conclusão?

Escolha o momento certo

Não somente seus objetivos profissionais devem ser avaliados para a escolha de uma especialização profissional, mas também o momento da sua carreira. É importante considerar que estes cursos demandam tempo, investimentos financeiros e dedicação do profissional. Questione-se, portanto, com relação à sua rotina: o seu dia a dia no trabalho permite realizar uma pós-graduação com o empenho e a concentração necessários?

O momento da carreira em que o profissional se encontra também é fundamental. Não é recomendado, por exemplo, dar início a um mestrado ou MBA logo após a conclusão da graduação. Na pressa de se desenvolver e conquistar melhores posições no mercado de trabalho, muitos jovens profissionais acabam por cometer este erro sem avaliar todas as questões relacionadas a esta escolha. Para o profissional recém-formado, é interessante investir em cursos e especializações como forma de avaliar seu real interesse pela área.

Pesquise sobre o mercado e o curso

Antes de se inscrever em um curso de pós-graduação, é importante que o profissional dedique tempo para pesquisar sobre as diferentes opções disponíveis e instituições. Para tal, converse com outros profissionais sobre seus objetivos, analise as grades horárias e disciplinas abordadas em cada curso, ouça o que outros alunos destes têm a dizer.

pós-graduação deve ser entendida não como uma forma de mudar de área de atuação, mas de se aprofundar, sendo o chamado “perfil T” cada vez mais valorizado no mercado de trabalho. O termo faz referência ao profissional que apresenta uma base “horizontal” de conhecimentos em sua área de atuação, mas é especialista em uma competência “vertical”. A pós-graduação pode também atuar no sentido contrário, complementando a visão generalista do profissional e seus conhecimentos técnicos.

Levando em consideração as dicas aqui citadas e conversando a respeito com pessoas de sua confiança, você poderá descobrir qual a melhor opção!

Conheça algumas das pós-graduações mais procuradas:

Não se esqueça também que o Pravaler pode te ajudar na realização do sonho da pós-graduação!

CTA Simule seu Financiamento Estudantil

Texto escrito por: PRAVALER
x

As principais notícias sobre educação na sua caixa de e-mail. Cadastre-se já!

Saiba mais

Pesquisar

Artigos Relacionados

X Assine nossa newsletter