Crédito estudantil reduz evasão no ensino superior, diz pesquisa

Pesquisa conduzida pelos economistas Guilherme Hirata e Matheus Gomes indica que mulheres, brancos, estudantes mais velhos e quem utiliza o ProUni ou o Fies têm menor risco de abandonar os estudos no Brasil

Crédito estudantil reduz evasão no ensino superior, diz pesquisaCrédito estudantil reduz evasão no ensino superior, diz pesquisa

Por PRASABER

O recente artigo do Valor Econômico mostra pesquisa dos economistas Guilherme Hirata e Matheus Gomes, sobre evasão no ensino superior da rede privada no Brasil.

Segundo os economistas, a evasão é menor quando estudantes dependem do Prouni ou de crédito estudantil, como o do Fies. Esse estudo acompanhou a trajetória de 2 milhões de universitários.

Fatores que levam a evasão no ensino superior da rede privada

De acordo com a pesquisa, são fatores determinantes para a evasão:

  • Mulheres possuem menor probabilidade de evasão do que homens;
  • Pessoas brancas possuem menor probabilidade de evasão do que pessoas pretas;
  • Estudantes mais velhos tem menor probabilidade de evasão que pessoas mais novas;
  • Alunos que utilizam o Prouni e o Fies tem menor probabilidade de evasão

Os autores destacam que “alunos da rede privada que não recebem financiamento possuem maior risco de evasão, risco quase 40% maior que o observado para alunos de instituições públicas.”

Compartilhar