Faça uma simulação com o Pravaler Icone seta
Áreas em Engenharia da Computação: quais têm os melhores salários? Áreas em Engenharia da Computação: quais têm os melhores salários?

Áreas em Engenharia da Computação: quais têm os melhores salários?

Dentro da Engenharia da Computação, diversas ocupações compõem a atribuição dos profissionais disponíveis no mercado de trabalho. Por ser um campo do conhecimento em constante evolução, cada vez mais áreas específicas surgem para somar a esse campo.

Preparamos este artigo para te apresentar as áreas em Engenharia da Computação. Assim, você fica por dentro de quais são as principais no atual momento do mercado, e descobre quais delas têm os melhores salários.

Vem com a gente? Boa leitura!

Quanto ganha um recém-formado em Engenharia da Computação?

Afinal, quanto ganha um recém-formado em Engenharia da Computação?

Essa pergunta possui uma grande importância, visto que muitos alunos que se esforçam durante os cursos de graduação e pós-graduação visam uma vida melhor através dos estudos, e isso pode estar associado com as melhores remunerações no mercado de trabalho.

O recém-formado em Engenharia da Computação, assim como qualquer outro profissional iniciante, precisa lidar com os cargos de base da carreira, considerando que uma evolução profissional até o auge pode levar algumas décadas.

Espera-se que os novatos no campo da Engenharia da Computação recebem em média R$4.000 mensais, um salário que se ajusta às diferentes realidades do Brasil, com fatores importantes como localização geográfica, demanda e custo de vida local.

Quanto ganha quem tem pós-graduação em Engenharia da Computação?

Escolher realizar um curso de pós-graduação é importante para os profissionais que desejam buscar uma especialização na área, ou mesmo atuar no ambiente acadêmico através de cursos de mestrado e doutorado.

Como a continuidade dos estudos é essencial para o desenvolvimento da carreira, geralmente quem atinge o nível de pós-graduado é requisitado em vagas de alta capacitação, o que acrescenta ao salário mensal uma grande importância.

A média salarial de quem é pós-graduado em Engenharia da Computação é de R$6.500 mensais, o que se ajusta de acordo com o cargo desempenhado e a especialização, podendo escalar até valores muito maiores de acordo com o desenho das funções.

Principais áreas de atuação em Engenharia da Computação

Dentro da Engenharia da Computação, algumas áreas se desenvolveram como possibilidades de atuação dos profissionais formados, além de representarem ocupações fixas nas diferentes empresas que contratam um engenheiro da computação.

Vamos conhecer quais são essas áreas?

Machine Learning

Uma das áreas mais promissoras da Engenharia da Computação diz respeito ao Machine Learning, que nada mais é que o inglês de “aprendizado de máquina”. O engenheiro que possui essa especialidade está na vanguarda de muitos dos avanços da área.

O engenheiro da computação atua nessa área na criação de algoritmos, estudo e avaliação de modelos de análise de dados, além do domínio das diferentes ferramentas de inteligência artificial (IA) que vêm surgindo e se desenvolvendo nos últimos anos.

Além disso, na área do Machine Learning é possível atuar no reconhecimento de padrões para automatizar uma gama de processos, e com isso economizar tempo e dinheiro para os diferentes tipos de negócio.

Desenvolvimento de Software

Uma das ocupações mais clássicas dos engenheiros da computação diz respeito ao desenvolvimento de softwares. Nessa área, o engenheiro é responsável por projetar softwares de diferentes tipos e para diferentes plataformas, de acordo com os interesses empresariais.

Nesse sentido, é papel do engenheiro da computação aprimorar esses softwares, com constantes testes e desenvolvimento de novas aplicações. Grande parte dessa ocupação está associada com empresas do ramo da tecnologia, mas pode se aplicar a qualquer negócio que queira sistematizar as suas operações, por isso, é também muito associada ao trabalho freelancer.

Segurança da Informação

Nos tempos de digitalização de toda a vida profissional, surgem também grandes ameaças aos sistemas. É aí que entra o engenheiro da computação especializado na segurança da informação, que visa garantir que os sistemas de uma empresa estejam protegidos.

Na área de segurança da informação, o papel do engenheiro é lidar com todo tipo de ameaça cibernética, buscando aperfeiçoar todos os sistemas de segurança e cibersegurança, bem como remodelar os sistemas que possam ser problemáticos ou vulneráveis, visando evitar novos ataques.

Engenharia de Software

Uma outra ocupação para os engenheiros da computação, que em alguns casos também é reconhecida como um curso de graduação, é a especialização profunda para atuar na área de softwares.

Na área de engenharia de software, os engenheiros da computação tornam sua atuação restrita ao desenvolvimento de novos softwares, com o diferencial da busca por novas metodologias em uma grande velocidade, comandando também vários tipos de projetos tocados ao mesmo tempo em uma empresa.

Além disso, atuar na área da engenharia de software é ter uma visão muito ampla sobre o processo, coordenando a atuação em diversas frentes, assim como se faz com outras formas de gestão de projeto associadas à profissão.

Redes de Computadores

O engenheiro da computação que se centra na gestão de uma rede de computadores é um profissional altamente requisitado, pois lida com os dilemas e desafios que surgem num mundo cada vez conectado em múltiplas redes que formam um só quadro: a internet.

Assim, este profissional atua na integração dos sistemas de computadores que existem, considerando os diferentes tipos de dispositivos. Além disso, ele trabalha com a manutenção dos sistemas externos e internos.

Quais áreas da Engenharia da Computação ganham mais?

Agora que você já conheceu todas as principais áreas da Engenharia da Computação, deve estar se perguntando: qual delas ganha mais?

A variação dos salários está muito associada com a experiência profissional. Para quem alcança cargos de coordenação, no desenvolvimento e engenharia de softwares, os salários podem passar da marca de R$10.000 mensais, com remuneração de mais de R$18.000 mensais para quem está no topo da carreira.

As outras áreas também são bem remuneradas, com uma média que varia entre R$12.000 e R$14.000 mensais para quem trabalha na segurança e gestão de uma rede de computadores.

E aí, ficou interessado em estudar Engenharia da Computação? Não deixe de pesquisar os melhores cursos e a área que mais combina com você!

Agradecemos pela leitura. Até a próxima!

Texto escrito por: Prasaber
x

Estude o que sempre sonhou com o financiamento estudantil.

Faça faculdade pagando menos por mês com o Pravaler.

Pesquisar

Artigos Relacionados

X Assine nossa newsletter